Vocação Profissional

share on:

25/04/2017 – FIQUE POR DENTRO

A vocação profissional é formada por 2 elementos: a aptidão que uma pessoa tem para fazer determinada coisa e o interesse que ela sente por aquilo. O interesse vem de fora, ou seja, é influenciado pelas experiências individuais e pelo ambiente em que cada pessoa vive.

Se, por exemplo, você odeia ver sangue ou tem verdadeira aversão a hospital e procedimentos médicos, logicamente que profissões como medicina e enfermagem, podem não ser as melhores escolhas. Se, por outro lado, você é curioso, criativo, gosta de escrever e saber mais sobre os acontecimentos e pessoas; as carreiras ligadas à comunicação podem ser uma boa alternativa.

Na hora de descobrir as próprias aptidões, muita gente acaba recorrendo aos chamados testes vocacionais. Eles surgiram no começo do século 20, com a multiplicação das profissões e, consequentemente, das opções.

Com o consultor, Carlos Martins Ele fala sobre vocação profissional.

 

Microsoft seleciona estudantes de tecnologia da informação para curso em Recife

Estudantes da área de Tecnologia da Informação, T.I podem se inscrever, até o dia 27 de abril, no programa ‘Estudante para Negócio’, oferecido gratuitamente pela empresa de tecnologia, Microsoft no Recife.

O curso tem o objetivo de capacitar, nas áreas de infraestrutura de Redes, desenvolvimento de Sistemas Web e Web Design, estudantes para formar uma ponte entre novos profissionais e empresas que demandam mão de obra.

Para participar, é preciso estar regularmente matriculado nos ensinos de nível médio ou superior e ter conhecimentos básicos em tecnologia. As inscrições acontecem exclusivamente através do site da Microsoft.

Série: Reforma na Previdência – Idade Mínima

Homens com menos de 50 anos e mulheres com menos de 45 devem se aposentar usando as novas regras. Já homens com 50 anos ou mais e mulheres com 45anos ou mais terão, uma regra de transição um pouco mais suave.

O contribuinte com essa faixa de idade pode se aposentar antes dos 65 anos, mas irão trabalhar 50% a mais que o tempo que falta para se aposentarem. Por exemplo: se faltavam 2 anos para a aposentadoria, passará a trabalhar 3 anos. Mas, para receber a aposentadoria integral, terão de contribuir por 49 anos, como todos os outros.

Quem já recebe aposentadoria ou pensão já tem direito adquirido, ou seja, não vai ter nenhuma mudança no valor de seu benefício. Para os trabalhadores que já possuem tempo de serviço até a aprovação da reforma, não será afetado pelas mudanças, mesmo que não tenha dado entrado no pedido.

Vale ressaltar que essa condição se aplica até que as mudanças sejam aprovadas pelo Congresso. Ou seja, quem já atingiu as condições para se aposentar, ou atingir até que a lei entre em vigor, não precisa correr com o pedido.

De onde me virá o socorro?

Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez o céu e a terra. Não deixará vacilar o teu pé; aquele que te guarda não tosquenejará… (Salmos 121).

Este é um dos Salmos que mais falam ao coração, porque fala de situações bem específicas em nossas vidas, que às vezes, somos levados a passar. Todos nós, de um modo ou de outro, nos descobrimos dentro de tais situações.

O salmo fala daqueles momentos em que a vida transforma-se num imenso precipício. Somos surpreendidos por realidades que se parecem com um terrível desfiladeiro. Olhamos à volta e nos vemos encastelados, cercados, entrincheirados pela existência.

Tentamos descobrir uma saída, uma porta, mas não enxergamos. Nós olhamos para o alto, não pelo fato de pensarmos que o nosso socorro vem dali, mas porque o nosso cerco é tão elevado, as dificuldades tão imensas, os obstáculos tão grandes que não vislumbramos o cimo delas.

A sensação que temos diante das dificuldades, é que não passamos de insetos, gafanhotos; somos prisioneiros desta conjuntura quer seja ela moral, emocional, comportamental, econômica ou profissional.

O Salmo 121, fala dessas situações de agigantamento das dificuldades, desse estados de cerco, em que nos vemos, não poucas vezes. Ele também nos apresenta razões tremendamente fortes, pelas quais podemos crer que em Deus encontraremos saída para esses momentos, que em Deus temos socorro bem presente para estas situações.

Todos um dia podem cair na vida. Talvez você esteja nesta situação, sob a ameaça de tomar uma decisão que venha a tomar e que romperá com muitos valores.

Quem sabe você está no limiar do escorregão, na fronteira da queda e do tombo. Ou esteja na iminência de pisar no limo, na lama, lodo da vida, num processo pecaminoso de escolha errada que só virá para destruir a vida.

Você tem que lembrar deste fato maravilhoso: Deus é o nosso socorro!
Deus é poderoso para nos guardar de tropeços e para nos apresentar com exultação, imaculados diante da sua glória.