Violência contra a mulher

share on:

06/12/2016

No dia 6 de dezembro de 1989, um homem de 25 anos entrou armado na Escola Politécnica de Montreal, no Canadá. Em uma sala de aula, ele ordenou que os homens se retirassem. Assassinou 14 mulheres e depois saiu atirando pelos corredores e outras dependências da escola, gritando “Eu odeio as feministas”.

Feriu ainda 14 pessoas, das quais 10 eram mulheres. Depois suicidou-se. Com ele, foi encontrada uma carta que continha uma lista com nomes de 19 feministas canadenses que ele também desejava matar e na qual ele explicitava a motivação de suas ações, em suas palavras: “mandar de volta ao Pai as feministas que arruinaram a sua vida”.

O crime, que ficou conhecido como o “Massacre de Montreal”, mobilizou a opinião pública. Assim, um grupo de homens canadenses decidiu organizar-se para dizer que existem homens que cometem a violência contra a mulher, mas existem também aqueles que repudiam essa violência. Eles elegeram o laço branco como símbolo e adotaram como lema: jamais cometer um ato violento contra as mulheres e não fechar os olhos frente a essa violência.

Img_FiquePorDentro_MomentoRefflexao_680px_v2

O Evangelho incomoda

Alguns conflitos internos de muitos que se deixam atrair pelo Evangelho, buscam viver o Evangelho e serem o Evangelho, tem a ver com o fato que o Evangelho nos mostra a nós mesmos.

O Evangelho resgata o meu melhor e traz pra fora o melhor de mim. Aí se estabelece uma luta interna, pois, o mal que há em mim, também deseja vir pra fora.

O melhor de mim, às vezes, não é o que estou vivendo. O melhor de mim está camuflado, escondido, disfarçado lá dentro de mim.

Quando o Evangelho entra na minha vida ele resgata os sabores, os aromas, os perfumes, as verdades, os desejos, o amor, e isto desencadeia processos internos e externos de rompimentos.

O Evangelho me tira das paralisias, as quais já me acostumei e estou acomodado a elas.

O Evangelho me mobiliza e isto dá trabalho.

O Evangelho me incomoda a me incomodar e não me acostumar aos contextos de paralisia e estagnação que a vida se tornou.

O Evangelho me abre os olhos e eu vejo. Vejo quem sou e onde estou. E vejo que por ser quem sou deveria me mobilizar pra outros lugares.

O Evangelho me abre os ouvidos e passo a ouvir com mais clareza a Voz da Vida e esta voz me dá comandos pra vida.

O Evangelho me abre a boca e passo a falar. Deixo aquele estado de mudez e encolhimento em que vivia, e isto incomoda a muitos no entorno.

O Evangelho me põe de pé e me faz andar. Sim, andar pra lugares onde por conta da minha paralisia eu não andava.

O melhor de mim nem sempre é confortável pra mim mesmo e para os que estão perto de mim.

O Evangelho, no entanto, me capacita a lidar com o novo e me faz navegar em águas turbulentas sabendo que isto me tornará um marinheiro melhor.

O Evangelho me manda às águas mais fundas onde a pescaria é sempre melhor.

O Evangelho é o poder de Deus em mim!

Pr. Carlos Bregantim

Img_FiquePorDentro_Tecnologia_680px_v1

Falha em site da Samsung pode ter exposto dados de 900 mil clientes

Uma falha no site “Samsung Para Você”, em que a sul-coreana oferece descontos, expôs as informações dos quase um milhão de consumidores cadastrados na página, como CPF, endereço e telefone.

A vulnerabilidade estava no endereço de ativação de cadastro enviado em um link por e-mail. O endereço era previsível e autentica o usuário sem exigir a senha de acesso, dando acesso ao perfil e aos dados de cada usuário.

A Samsung disse que está “apurando a situação relatada e segue monitorando o site para agir prontamente caso surja alguma anormalidade”. A empresa colocou à disposição o serviço de atendimento ao consumidor nos telefones 40-04-00-00 e 0800-124-421.

Img_FiquePorDentro_EntendendoPoliitica_680px_v1

Série: Manifestações no Brasil – Revolta do Vintém

Manifestantes foram às ruas em várias cidades do país neste domingo. Os atos foram em defesa da Operação Lava-Jato e do pacote anticorrupção. Com o falso mito de que brasileiro é pacifico, ao longo do Entendo a Política vamos abordar uma nova série sobre Manifestações no Brasil. Nela, vamos abordar famosos protestos marcados por lutas do povo brasileiro. Hoje, a Revolta do Vintém.

O famoso vintém, denominação para a antiga moeda de 20 réis, já gerou protestos no Brasil. Uma delas ocorreu entre 28 de dezembro de 1879 e 4 de janeiro de 1880, no Rio de Janeiro. O motivo? A cobrança de 20 réis nas passagens dos bondes. A revolta provocou conflitos entre a população e as forças armadas, o que terminou com números trágicos de mortos e feridos. No final, a pressão popular venceu e as autoridades e companhias de bonde anularam o reajuste.