Superação

share on:

14/11/2018 – FIQUE POR DENTRO

O Fique por Dentro de hoje vai falar superação, que em seu sentido literal, significa cultivar uma “super ação”. É o mesmo que ter atitude, ousar ir além, sair da zona de conforto, adotar novos hábitos e comportamentos, ultrapassar limitações e bloqueios, aperfeiçoar habilidades, talentos e desenvolver todo o potencial infinito para que você se torne a melhor pessoa que você pode ser.

A superação, portanto, significa superar todos os obstáculos e caminhar rumo a uma transformação permanente e genuína em prol da conquista dos objetivos que você almeja alcançar em sua trajetória. É um percurso rumo à conquista de grandes e eficientes resultados.

As dificuldades são, sem dúvida, um dos maiores motivadores da vida. Isso porque, quanto maior a dificuldade, maior a nossa força e vontade de vencer. Não se pode desanimar quando as lutas vêm, é preciso se lembrar que a superação é a maior vitória.

E falando em superação, hoje você vai conhecer uma bela história sobre o assunto. A cantora Samira Sallum que quando morava nos Estados Unidos foi vítima de um advogado corrupto, detida e deportada, vai nos contar como superou essas e tantas outras privações. Dificuldades que ela enfrentou deram vida a músicas e gerou o álbum “No Controle”.

Fonte: ibccoaching.com.br


Entrevista com a cantora Samira Salum. Confira:

 


Bebês prematuros precisam do leite materno e do contato com a pele da mãe

De cada 10 bebês que nascem no Brasil, pelo menos um é prematuro. Isso quer dizer que chegam ao mundo antes de todos os órgãos e sistemas estarem prontos.

As causas da prematuridade podem estar relacionadas às condições da mãe, como pré-eclâmpsia, infecções, partos prematuros anteriores, gravidez na adolescência ou após os 35 anos. Além dessas, à saúde da criança, como malformações; mas também à fatores externos, como cesáreas desnecessárias e uso indevido de drogas durante a gestação.

Segundo análises de especialistas desenvolvida recentemente, os bebês prematuros precisam de UTI, mas também do leite materno e do contato com a pele da mãe. Na UTI, recebem aquecimento e auxílio de equipamentos.

Já com o contato de fatores externos, o alimento funciona como medicação porque ele tem anticorpos que vão ajudar o bebê prematuro a se defender.

Contudo, além do leite materno o método canguru, em que a criança é colocada em contato com a pele da mãe ajuda o prematuro a lembrar de respirar, auxilia no controle da temperatura e fortalece o sistema imune.

Fonte: Bem Estar


Resposta ao SOS

Certa vez, no Mar do Norte, quando ainda não existiam os modernos recursos para a segurança da navegação, como o radar ou internet, uma esquadra de navios foi surpreendida por um violento temporal e denso nevoeiro. O medo de icebergs era uma realidade.

Os barcos apitavam incessantemente e lançavam ao ar, repetidos “SOS”, com medo de perderem-se e baterem uns nos outros.

O telegrafista de um dos navios, quando o pânico já se apoderava da tribulação, teve a inspiradora lembrança de transmitir, pausadamente, via código Morse, o Salmo 23.

Aos poucos, a nevasca foi clareando, o oceano encapelado foi se acalmando, e de todos os navios que se encontravam na área perigosa veio comovente ‘resposta’: Amém! Amém! Amém!

“O Senhor é o meu pastor: nada me faltará. Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto de águas de descanso;”

Salmo 23.1 e 2