Sonhos

share on:

16/05/2017 – FIQUE POR DENTRO

Um estudo publicado no periódico científico Sleep mapeou as emoções mais presentes em pesadelos. O medo, ao contrário do que seria plausível supor, não é a emoção mais identificada nos maus sonhos.

A pesquisa conduzida por estudiosos ligados à Universidade de Montreal, no Canadá, ouviu 331 participantes, que mantiveram um diário de seus sonhos, narrando seus conteúdos por período que variou entre 2 e 5 semanas. Os diários permitiram aos pesquisadores acesso a quase 10 mil de sonhos, sendo que destes, 243 eram pesadelos e 431 sonhos ruins.

Dessa forma, ficou provado à pesquisa que sensações como a de estar confuso, tristeza e culpa eram mais presentes nos pesadelos do que o medo propriamente dito. Porém, em qualquer país, o sonho mais comum das pessoas é: “sonhei que estava grávida”, seguido por ter bebê, trair o parceiro, matar alguém, morrer e ganhar na loteria.

Entrevista com o neurocientista, John Fontenele Araújo. Ele fala sobre cochilos e sonecas, confira:

 

PowerPoint vai traduzir em tempo real as suas apresentações

Durante a Build 2017, evento na qual reúne engenheiros de software e desenvolvedores para a Web, a Microsoft, empresa fundada por Bill Gates está revelando novos serviços de computação em nuvem para inteligência artificial, e um deles vai mudar a maneira como realizamos apresentações usando o programa PowerPoint.

Na apresentação, o vice-presidente executivo da empresa demonstrou o funcionamento de um novo recurso presente no PowerPoint. Com ele, os usuários vão poder traduzir apresentações criadas no software em tempo real. Essa ferramenta vai usar as novas ferramentas de tradução da própria Microsoft.

O programa do pacote Office vai ser capaz de traduzir o texto inserido nos slides mantendo o layout pré-definido, ou seja, não vai atrapalhar aquilo que foi planejado para a apresentação. 10 idiomas são suportados pela ferramenta, o que ainda não inclui a língua portuguesa. O recurso também vai além da tradução, inserindo, caso necessário, legendas para pessoas com algum impedimento auditivo.

A tradução vai funcionar da seguinte maneira: em vez dos slides originais do apresentador receberem as alterações neles mesmos, os espectadores vão receber um link por meio do qual poderão acessar a versão dos slides no idioma desejado, sem afetar a versão inicial.

Série Lei da Migração – Alterações

Anteriormente explicamos o que é a Lei da Migração e qual sua principal função, além disso, debatemos como que ela foi criada e quais os motivos que implicam no desenvolvimento e funcionamento do documento. Hoje, vamos explicar quais as principais alterações que o texto passará com as mudanças atuais.

Entre as alterações feitas pelo relator no texto da Câmara dos Deputados, está a retirada de um inciso que inclui a proteção ao mercado de trabalho nacional. Para o senador, essa diretriz não possui uma interpretação concreta, ou seja, hoje a lei possui diversas interpretações, pois o mercado de trabalho não deve ser fechado e a migração é um fator de seu desenvolvimento.

Também foram mantidas partes do texto original que tratam da expulsão do migrante e que foram retiradas no substitutivo da Câmara. Dessa forma, caberá à autoridade competente resolver sobre a expulsão, sua duração ou suspensão, e sobre a revogação de seus efeitos.

Além dessas alterações, o senador Tasso Jereissati também decidiu manter o texto original do projeto, que proibia a deportação, repatriação ou expulsão de qualquer indivíduo para as fronteiras dos territórios em que a sua vida ou sua integridade for ameaçada. Na Câmara, esse trecho havia sido acrescido de uma proteção para pessoas que tivessem a liberdade ameaçada em virtude de raça, religião, nacionalidade e grupo social a que pertencem que foi retirada pelo relator.

Vitalidade

A vitalidade não é demonstrada apenas pela habilidade de persistir, mas principalmente pela capacidade de começar tudo de novo.

Quantas vezes você deve cair, se levantar e prosseguir conforme determinado em direção ao seu alvo?

Resposta: Caia quantas vezes tiver que cair. Obviamente que a dor da queda é sempre uma experiência desagradável e dolorosa.

Permanecer caído não vai nenhuma lhe aliviar a dor. É no ato de se levantar e prosseguir de maneira decidida que está o segredo de superar a dor e o desapontamento.

Persistência pode ser algo extremamente difícil. Entretanto, fracassar em persistir pode colocá-lo numa situação de derrota e desencorajamento, situação essa, pior que a primeira.

Quando cair, olhe para cima, veja a mão de Deus sempre estendida em sua direção e saiba que essa queda pode ser o primoroso degrau que ele está preparando para que você se levante e corra em direção à concretização dos seus sonhos.

“…pois ainda que o justo caia sete vezes, tornará a erguer-se, mas os ímpios são arrastados pela calamidade.” (Provérbios 24.16)