Produtividade pela manhã

share on:

 07/06/2017 – FIQUE POR DENTRO

Acordar cedo e ser produtivo. Para muita gente isso pode ser fácil. No entanto há um grupo de pessoas que só ficam mais alertas e produzem melhor depois de certa hora do dia.

O problema é que a maioria dessas pessoas não podem escolher o próprio horário e, por conta da sua profissão ou dos estudos, precisam estar prontos para produzir resultados logo nas primeiras horas do dia. O jeito então é encontrar maneiras de ser mais produtivo e ter mais disposição pela manhã.

Entrevista com o psicólogo, Felipe de Souza. Ele fala sobre produtividade pela manhã, confira:

Vício dos pais em smartphone afeta o comportamento dos filhos

De acordo com um estudo americano, o uso excessivo de smartphones pelos pais pode afetar diretamente as crianças. O hábito pode provocar irritação e hiperatividade nas crianças. No estudo, pesquisadores da Universidade de Michigan e da Universidade do Estado de Illinois, ambas nos Estados Unidos, analisaram quantas vezes os pais paravam de dar atenção aos filhos, para acessar seus dispositivos.

Os resultados mostraram que filhos de pais que utilizam frequentemente a tecnologia digital são mais propensos a apresentar problemas de comportamento, provavelmente motivados pelo sentimento de rejeição.

Os pesquisadores acreditam que as constantes interrupções geradas por mensagens nas redes sociais, como Facebook, atrapalham momentos entre pais e filhos, como brincadeiras e refeições, fazendo com que as crianças tentem chamar atenção de outras formas, por meio de surtos repentinos ou atitudes inadequadas.

Catar e os extremistas

6 países árabes, incluindo a Arábia Saudita e o Egito, cortaram relações diplomáticas com o Catar nesta segunda-feira, acusado de desestabilizar a região. Eles dizem que o Catar tem apoiado grupos extremistas como Estado Islâmico e Al-Qaeda.

Com isso, as fronteiras da Arábia Saudita com a pequena península do Catar, rica em petróleo, foram totalmente fechadas. O governo do Catar respondeu que a medida é “injustificada” e “sem base em fatos”.

A iniciativa sem precedentes mostra uma profunda divisão entre países poderosos do Golfo Pérsico, que também são aliados dos Estados Unidos, e vem num momento de aumento de tensões entre os países do Golfo e o vizinho Irã.

O governo saudita acusa Catar de colaborar com “grupos terroristas apoiados pelo Irã” na sua turbulenta região.


Vida Simples

Charles Chaplin fez um filme chamado “Tempos Modernos”. Esta obra se tornou um grande marco na história do cinema, como também representou uma forte crítica ao tipo de vida construída pela industrialização e o fato de que os seres humanos se tornaram UM com as engrenagens das máquinas que manuseiam.

De certa forma, a industrialização trouxe inúmeros benefícios para a humanidade. Quanto a isso, não há como discordar. Por outro lado, o mundo em que vivemos é filho de um sistema em que o crescimento financeiro, o lucro, o capital se tornaram os deuses a serem adorados.

No mundo do consumo, as igrejas cedem lugar aos shoppings. Isso quando as igrejas não se tornam os verdadeiros shoppings da fé! Ali, nos shoppings, as pessoas vão para adorar o deus delas: o consumo. Tudo está ao alcance de quem pode comprar. Quem não possui dinheiro para gastar, se contenta em olhar. A ostentação, a vida agitada e as cidades cada vez mais opulentas ditam as regras da vida moderna. Pessoas são reduzidas a números. Quanto mais se tem, mais importante se é.

Em meio a essa realidade constatada em nosso próprio dia a dia, quem ousa desejar uma vida simples? Quem opta por ser uma pessoa comum? Ser uma pessoa simples e comum significa ter planos de vida que não se adequam ao mundo do consumo. Em outras palavras, os corajosos e corajosas que ousam a desafiar a imposição do sistema do consumo são pessoas que não permitem que os seus valores sejam definidos, por exemplo, por sua conta bancária, pelas roupas que usam ou pelo carro que possuem.

Uma vida simples é possível quando se sonha simples. Se engana quem entender que sonhar simples é sinônimo de sonhar pequeno. Pelo contrário. Sonha pequeno quem sonha o sonho do consumo. Quem sonha grande é quem decide romper com esse ciclo diabólico em que pessoas são valorizadas, ou não, pelas coisas que possuem. O dinheiro possui até mesmo as pessoas que não possuem dinheiro.

Reserve um tempo para pensar nos seus valores e nos seus sonhos. Você tem vivido o sonho do consumo ou o sonho da simplicidade? Você deseja a alegria comprada pelo dinheiro ou a felicidade em ser livre da ditadura do consumo? Você possui dinheiro ou o dinheiro é quem possui você?