Miopia

share on:

30/07/2018 – FIQUE POR DENTRO

Cerca de cinco milhões de pessoas, ou metade da população mundial, será míope até 2050. A estimativa é da Academia Americana de Oftalmologia. Por este motivo, a campanha “O mundo está ficando míope”, lançada este ano, tem por objetivo chamar a atenção para o aumento dos problemas de visão.

Esse quadro é resultado direto de um novo estilo de vida, adotado a partir do surgimento da geração digital e do uso excessivo de computadores, videogames e smartphones. Diagnosticada como a “epidemia da era moderna”, assim como a obesidade e a diabetes, a miopia ocorre quando objetos à distância tornam-se turvos. Isso porque o olho míope foca as imagens na frente da retina, ao invés de diretamente na retina.

A previsão é que em 2020, 28% da população brasileira será míope e no ano de 2050 essa porcentagem aumentará para 51%. Seguindo nessa direção, nos próximos 34 anos o número de brasileiros míopes deverá subir para 83%.

Só em nosso país, são identificados mais de dois milhões de casos por ano. Com o crescente índice de míopes, a busca por lentes corretivas também aumentou. Problemas visuais muitas vezes são a causa de dor de cabeça frequente. Porém, o ideal é fazer um exame oftalmológico a cada ano.

Fonte: Diário do Nordeste

 

Entrevista com a oftalmologista Adriana Bombonatti Vilas Boas. Confira:

 

MEC propõe discussão sobre base do ensino médio em todas as escolas no dia 2 de agosto

As aulas nas escolas do ensino médio da rede pública serão suspensas no dia 2 de agosto para que os professores discutam e façam sugestões à Base Nacional Comum Curricular do ensino médio. Os docentes das instituições particulares também estão sendo convidados a participar. O movimento chamado de “Dia D” foi lançado pelo Ministério da Educação e pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação.

O governo quer envolver os professores no processo de construção da base do ensino médio, iniciado em abril. O documento vai nortear o que deve ser ensinado nas escolas. A principal polêmica que envolve a base do ensino médio é que o documento inicial apontava que apenas as disciplinas de língua portuguesa e matemática seriam obrigatórias nos três anos do ensino médio e as demais, apareceriam de forma interdisciplinar. Após polêmicas, o ministro da Educação, Rossieli Soares, admitiu que o documento ainda está em debate e vai sofrer mudanças.

A recomendação é que as escolas se organizem por áreas de conhecimento para fazer as discussões no dia 2 de agosto. Paralelamente à mobilização nacional, ocorrem as audiências públicas nas regiões.

As contribuições para a Base Nacional serão aceitas até o dia 26 de agosto. Depois, elas serão tabuladas e encaminhadas ao Conselho Nacional de Educação, que envia ao MEC. O ministério, então, fará a homologação para que a base se torne norma nacional.

Fonte: G1

A cura do cego de nascença

Os evangelhos relatam diversas curas de Jesus. Uma delas, no entanto, chamou a atenção os discípulos de maneira especial. Naquela ocasião, eles perguntaram para Jesus: “Quem pecou, este ou seus pais?” Jesus ao ser enviado pelo pai, veio com a missão de salvar e curar, por isso podemos sempre esperar que alguma obra de Deus se manifeste a nosso respeito.

O meio pelo qual veio a cura foi estranho ao homem, pois o Senhor cuspiu no chão, fez lodo, untou os olhos e mandou-o lavar-se no tanque de Siloé. Jesus havia feito sua parte na recuperação daquele pobre homem. O cego não hesitou. Saiu titubeando, foi ao tanque e se lavou, em obediência ao mandado de Jesus. Imediatamente começou a enxergar. Nosso Salvador sempre faz a sua parte. O que falta você receber e que está a tanto tempo pedindo a Deus? Qual a distância que o separa para receber sua bênção? O cego venceu os obstáculos, lavou-se e voltou vendo.

Pode ser difícil entender o que Deus quer para nossas vidas, principalmente em momentos de enfermidade, mas temos que estar certos de que ele tem o melhor para aqueles que o amam. Basta crer e esperar o seu agir.

“E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, (Mestre) quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego? Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus. (João 9.2, 3)