Mãe

share on:

08/05/2018

Ser mãe não é uma tarefa fácil. Não há curso, bibliografia ou tutorial de internet que forme ou prepare uma mãe. Cada uma trilha seu caminho diariamente.

Ser mãe é mais do que gerar uma vida. É cuidar, educar e ensinar os primeiros passos e palavras a outro ser humano. É aplaudir as conquistas e sofrer junto. É ceder o colo e o ombro acolhedor sempre que precisarem ter onde se apoiar e renovar suas forças.

O papel da mãe é fundamental para a criação de indivíduos felizes, saudáveis e bem resolvidos. Mãe é aquela que luta para que os filhos tenham tudo que precisam para viver. Aliás, este tudo precisa ser reelaborado, pois não estamos falando de bens materiais, mas sim sentimentos e estruturas emocionais sólidas. Algumas dicas para as mães:

Continue sendo você mesma. É importante que encontre tempo para fazer o que gosta;

Não seja um mártir. Seus filhos não querem pagar o preço de serem criados por uma mãe sofredora;

Não tente ser perfeita. Isso vale para a vida em geral;

Se livre da culpa. Culpa é um dos efeitos colaterais mais comuns da maternidade e não ajuda em nada: é perda de tempo;

Seja paciente;
Escute as crianças. Mas escute de verdade;
Imponha limites;
Pregue a simplicidade;
Não pressione demais as crianças;
Ajude os filhos a desenvolver autoestima;
Ensine-os a serem independentes;
Divirta-se!

Fontes:
http://www.semprefamilia.com.br
http://tudosobreminhamae.com

 

Entrevista com Sérgio Tannuri, advogado especializado em Direitos do Consumidor. Confira:

 

Tik Tok: app chinês é mais baixado que WhatsApp, Facebook e Instagram no iPhone

O relatório trimestral da Sensor Tower, consultora que analisa o mercado de aplicativos para smartphones, revelou que o número de apps baixados na App Store e Google Play subiu 7,6% entre janeiro e março deste ano, superando 25 bilhões de downloads. O que chamou a atenção no documento, no entanto, foi que um aplicativo chinês de música teve quase 46 milhões de downloads, superando o WhatsApp .

O Tik Tok é uma rede social de vídeos musicais curtos que faz muito sucesso com os jovens chineses. O app permite que os usuários criem clipes de dublagem para compartilhar com os amigos. Para isso, usa reconhecimento facial — que faz uma correspondência quase perfeita das expressões do rosto para encaixar o som. Este app chinês é mais baixado que o WhatsApp, o Facebook e o Instagram no iPhone.

Fonte: UOL

 

Acordos internacionais são mais da metade dos 49 projetos aprovados pela Câmara neste ano

Dos 49 projetos aprovados neste ano pelos deputados, 28 são decretos referentes a acordos de cooperação entre o Brasil e outros países. Propostas que geram menos discussão são votadas mais rapidamente. Os decretos são aprovados no Congresso somente para ratificar os acordos. Esse tipo de projeto costuma ser votado de maneira simbólica (sem contagem de votos), às quintas-feiras, dia em que o plenário fica esvaziado porque deputados registram presença logo pela manhã e viajam para os respectivos estados.

Em ano de eleição, os decretos passaram a representar a maioria das propostas aprovadas na Câmara porque os deputados têm evitado votar temas polêmicos e sem consenso no plenário. Tradicionalmente, a produtividade dos parlamentares cai em ano de eleição, uma vez que os deputados dedicam grande parte dos esforços à formação de alianças para as campanhas políticas. Diante disso, líderes partidários ouvidos pelo G1 avaliam que, neste ano, até mesmo propostas de consenso não avançarão.

Fonte: G1

 

Dia das mães – Homenagem Universal

Ao ser bombardeada pelas campanhas publicitárias que inundam os espaços da mídia às vésperas do Dia das mães, a maioria das pessoas sequer pode imaginar que a data tem raízes muito mais cristãs do que comerciais.

Em 1905, nos Estados Unidos, Anna Jarvis, filha de um pastor, deu início a uma campanha para instruir um dia especial, no qual todas as crianças homenageariam suas mães. No dia 10 de maio de 1908, a Igreja Metodista de Grafton realizou o primeiro culto do gênero. A data foi oficializada no Estado de Virgínia Ocidental em 1910. O Dia das Mães seria incorporado ao calendário oficial do país por obra do então presidente Woodrow Wilson, comemorado sempre no segundo Domingo de maio.

No Brasil, a primeira comemoração do Dia das mães foi realizada pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. O presidente Getúlio Vargas oficializou a data em 1932.

Apesar de estar presente em quase todos os países do mundo, a data nem sempre é comemorada no segundo Domingo de maio, como acontece no Brasil, nos Estados Unidos, na Austrália, no Japão, entre outros. A Suécia, por exemplo, faz a homenagem no último Domingo de maio. Na Noruega, as mães ganham mimos no segundo Domingo de fevereiro. A Argentina deixa para o fim de do ano, no segundo Domingo de outubro. E em Portugal e na Espanha, o Dia das Mães quase coincide com o Natal: 8 de maio.

Fonte: Revista Lar Cristão