Funcionamento do intestino

share on:

30/11/2016

Ritmo de vida acelerado, estresse, má alimentação e sedentarismo são elementos que cada vez mais fazem parte do estilo de vida moderno. Muito já se sabe sobre a má repercussão que tais elementos provocam na saúde, contribuindo para o aparecimento de diversas doenças, como, por exemplo, as que atingem o funcionamento intestinal.

A constipação é caracterizada pela presença de fezes endurecidas, períodos prolongados entre uma evacuação e outra, evacuação insatisfatória. Seu aparecimento está relacionado aos maus hábitos alimentares, ao controle sistemático da defecação, ingestão de determinados tipos de medicamentos e alguns tipos de doenças.

Img_FiquePorDentro_Entrevista_680px_v1

Img_FiquePorDentro_MomentoRefflexao_680px_v2

Dizer ‘Obrigado’ Mesmo Quando Não Se Sente Grato

Esta semana nos Estados Unidos milhões de pessoas celebrarão o “Dia de Ação de Graças”, bem como em outros países e culturas ao redor do mundo. Para muitos a data serve como “ocasião para contar as bênçãos”, refletindo sobre as boas coisas experimentadas ao longo do ano. Uma maravilhosa tradição, sem dúvida. Mas e aqueles que enfrentaram reveses e perdas no ano anterior? Como expressar sincera gratidão quando há poucos motivos para se ser grato? É a pergunta com a qual meu amigo de longa data, Albert Diepeveen, lutou durante boa parte de sua vida. Anos atrás eu o ajudei a produzir um livro intitulado “Dizendo ‘Obrigado’ Quando Você Não Se Sente Grato”.

Nascido na Holanda, Albert e sua família viveram os horrores da Segunda Guerra Mundial. Os suprimentos eram escassos e, como muitos outros, tiveram que sobreviver sem ter o essencial. Devido à má nutrição ele contraiu tuberculose, que o confinou à cama por mais de três anos, a maior parte em um hospital.

Albert venceu a luta contra tuberculose, mas problemas de saúde o acompanharam por toda a vida. Em 1958, ele e a esposa imigraram para os Estados Unidos, onde estabeleceu diversas pequenas empresas de sucesso. Sendo empreendedor, viveu os altos e baixos dos negócios.

Apesar de enfrentar adversidades de várias formas, Albert irradia alegria e paz que muitos não podem entender. Mas meu amigo aprendeu o segredo, como seu livro afirma, de ser capaz de dizer “obrigado” mesmo quando não se sente grato. O segredo, ele ressalta, é sua fé em Jesus Cristo e a confiança que “Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito” (Romanos 8.28). Albert disse: “Ao estudar as Escrituras, tomei consciência de que Deus não pode mentir e jamais cometeu um engano. Deus ama a cada um de nós. Ele permite que circunstâncias aconteçam em nossa vida para nosso próprio benefício”.

Falando sobre sua vida antes do encontro transformador que teve com Jesus, ele diz: “Frequentei uma escola cristã e cresci num lar cristão. Mas eu nunca tinha visto na Bíblia o que claramente vejo agora. Você sabia que existem cerca de 10.000 promessas na Palavra de Deus? E se ele promete, você pode confiar. Nós todos podemos confiar no que a Bíblia diz”.

Albert conta que descobriu uma passagem na Bíblia em que reconheceu a importância de ser grato a Deus, mesmo não se sentindo cheio de gratidão. “Um dia meu pastor estava falando sobre um versículo que diz: ‘Deem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus’ (1Tessalonicenses 5.18). Depois ele repetiu: “Deem graças em todas as circunstâncias”, acrescentando: “Se alguém ama você, não vai deixar que nada lhe aconteça que não seja bom para você”.

Para Albert, aquela foi uma lição para toda a vida. A despeito das enfermidades, reveses nos negócios, lutas com finanças e outras dificuldades, ele aprendeu a dizer “obrigado”, mesmo quando não se sente grato. E você?

Por Robert Tamasy

Img_FiquePorDentro_Saude_680px_v1

Anvisa aponta laranja e abacaxi como alimentos com maior risco por agrotóxico

Num estudo da Anvisa divulgado semana passada, em que foram analisadas mais de 12 mil amostras de 25 tipos alimentos, laranja e abacaxi apareceram como os vegetais com maior número de casos de resíduos de agrotóxicos que apresentam risco agudo para a saúde. A análise ocorreu entre 2013 e 2015.

Entre as 744 amostras de laranja, 90 apresentaram resíduos com potencial risco agudo. No caso da laranja, a Anvisa chama atenção para o agrotóxico carbofurano, que passa por processo de reavaliação na agência. Já entre as 240 amostras de abacaxi, foram 12 enquadradas no risco agudo, o agrotóxico carbendazim foi o mais encontrado.

É a primeira vez que a Anvisa monitora esse risco, relacionado às intoxicações que podem ocorrer dentro de um período de 24 horas após o consumo do alimento com resíduos em quantidades estabelecidas pela Anvisa.

Img_FiquePorDentro_EntendendoPoliitica_680px_v1

Banco Central do Brasil

 O Banco Central do Brasil é um órgão público, criado no ano de 1964, exatamente em 31 de dezembro. É a principal autoridade monetária do Brasil.

Antes de sua criação, os órgãos responsáveis pelas políticas monetárias do Brasil eram a Superintendência da Moeda e do Crédito, o Banco do Brasil e o Tesouro Nacional. Basicamente, as funções do Banco Central do Brasil se concentram na supervisão da política monetária e cambial do país e na fiscalização do sistema financeiro nacional.