Esporte e evangelismo

share on:

19/02/2018 – FIQUE POR DENTRO

Este ano teremos um dos, se não o maior evento esportivo do planeta, a Copa do Mundo na Rússia.

O evento também se torna uma importante estratégia de evangelismo, já que pessoas de várias partes do mundo estarão lá para acompanhar os jogos.

A evangelização através do esporte tem sido usada como estratégia para levar a palavra de Deus em muitos países.


Entrevista com o presidente do Ministério Atletas de Cristo no Brasil e o Conexão Voluntários em Campo, Marcos Grava. Ele fala sobre o esporte e evangelismo. Confira:

 


Universidade do Ceará é a segunda mais procurada do Brasil no Sisu 2018

A Universidade Federal do Ceará foi a segunda instituição de ensino mais procurada durante as inscrições no Sistema de Seleção Unificada, o Sisu. No total, foram mais de 140 mil inscrições de 92 mil candidatos.

O resultado deixa a Universidade atrás apenas da Universidade Federal de Minas Gerais, que recebeu mais de 155 mil inscrições. Em terceira posição ficou a Universidade Federal de Pernambuco, com mais de 122 mil tentativas de pretensão a vagas. As informações foram divulgadas pelo Ministério da Educação, o MEC.

Segundo o órgão, a diferença entre os números de inscrição e de candidatos é justificada pela possibilidade de cada candidato inscrever-se em até 2 opções de curso, podendo ser em instituições de ensino diferentes. Ainda segundo o MEC, 91% das inscrições foram de candidatos residentes no Ceará.


Um novo coração

Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável! (Sl 51.10)

É impressionante o ensino que esse salmo nos traz. Do princípio ao fim, há uma nota de grande e positiva certeza. Encontramos nesse salmo um pedido pela benignidade e bondade do Senhor. Há uma petição para que Deus abençoe, cure, purifique e restitua a antiga alegria à vida do salmista. Por isso, nenhum de nós pode se deixar abater, pode ficar frustrado e não abrir o seu coração diante de Deus. Se nada mais aprendêssemos do salmo, pelo menos ficaríamos certos de que Deus ouviu a Davi que tinha se afastado completamente da comunhão com Deus pelo seu pecado.

O Deus que ouviu Davi é o mesmo que pode nos ouvir e abençoar. O mesmo que concedeu todas aquelas bênção para Davi, hoje nos abençoa com toda sorte de benção espirituais, em Cristo Jesus. Naquela ocasião Deus usou o profeta Natã para trazer Davi para levá-lo ao arrependimento. Hoje, esse é o papel do Espírito Santo, que nos convence do pecado, da justiça e do juízo. Porém mais do que isso, o Espírito Santo é quem infunde em nós o desejo por uma vida nova, diferente daquela em que vivíamos. É o Espírito Santo que nos faz desejar e nos faz buscar ansiosamente pela ajuda de Deus, do mesmo modo que Davi também buscou o perdão de Deus.

É o Espírito Santo que hoje, nos coloca de joelhos diante do trono da graça, para buscarmos e acharmos misericórdia e graça. É o Espírito Santo que além de nos convencer do pecado nos faz desejar um coração novo e uma vida nova. Quando Davi, depois que foi confrontado por Natã, percebeu a sua trágica situação entendeu que o único passo que deveria dar era em direção a Deus, que é misericordioso e rico em perdoar.

Davi se colocou diante de Deus e de olhos assustados, contemplou as ruínas e os prejuízos que o pecado lhe causaram. Percebeu que a alegria da salvação estava se esvaindo. Constatou que as músicas que fluíam tão facilmente da sua alma tinham desaparecido. Ele não conseguiria viver mais daquela maneira. Precisava ser purificado.

Ele reconheceu que precisava de um novo começo, por isso orou: Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável! Davi reconheceu que só através de um ato criador da parte de Deus ele poderia voltar à comunhão com Deus.

Será que não é isso que Deus espera de nós: arrependimento, confissão, pedido de perdão e pedido para um recomeço, pedido de um novo coração? Avalie-se diante de Deus, acerte sua vida com ele, pois o nosso Deus é rico em perdoar!

Itamir Neves