Ensinos bíblicos para sua vida financeira

share on:

23/02/2018

Quase 60 milhões de brasileiros tem contas em atraso ou estão com o CPF restrito, o que impede a realização de empréstimos ou compras parceladas. É o que revela uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Os dados foram analisados no fim do ano passado.

A Bíblia nos instrui a enfrentar muitas situações diferentes na vida, incluindo as dificuldades financeiras. A chave para enfrentar problemas relacionados ao dinheiro está nos ensinos bíblicos.


Entrevista com o apresentador do Finanças em Ação, Paulo de Tarso. Ele fala sobre os ensinos bíblicos para sua vida financeira. Confira:

 

Contra poluição, Alemanha pode tornar gratuito o transporte público

O governo alemão estuda tornar gratuito o transporte público como forma de combater a poluição atmosférica, um problema que assola o país desde 1980, quando a indústria automobilística alemã apostou no diesel como combustível.

A investida seria voltada para cidades altamente poluídas, na tentativa de reduzir as emissões e, assim, melhorar a qualidade do ar. As autoridades alemães também avaliam a possibilidade de implementar zonas de baixa emissão, incentivos a carros elétricos e adaptação para modelos existentes, desde que seja viável do ponto de vista econômico.

Várias cidades alemãs sofrem com a poluição do ar. Em dias em que os níveis de poluentes superam limites considerados seguros, as autoridades costumam reduzir o preço do transporte público para estimular a população a deixar o carro em casa.

Fundação Casa da Cultura de Marabá

A Fundação Casa da Cultura de Marabá, no Pará, vem se dedicando ao longo de sua história a preservar a memória regional. A ideia surgiu em 1982 com o Grupo Ecológico da cidade, preocupado com as grandes transformações que começavam a ocorrer na região, com as implantações de grandes projetos, como a Hidrelétrica de Tucuruí.

A Fundação também desenvolve o Programa Nacional de Incentivo a Leitura que fomenta e estimula o prazer pela leitura. Outro projeto que vem se destacando é o Projeto Memória cujo objetivo é registrar a história de vida dos pioneiros na região.

Para mais informações sobre a programação, horários de cursos e eventos, entre em contato pelo telefone: (94) 3322-2315 ou 3322-4176 ou pelo site: casadeculturademaraba.com.br.

Construindo Casas Financeiras

Durante o furacão Rita, em 2005, Warren e Pan Adams perderam sua casa de praia na Costa do Golfo em Gilchrist, no Texas. Como amavam a praia, decidiram reconstruir. Preocupados com a dolorosa lição aprendida, construíram com alicerce mais resistente a tempestades, com colunas de suporte da estrutura muito mais fortes e altas. A casa foi construída num padrão para resistir a furacão categoria 5 e o piso inferior ficou a quase quatro metros acima do nível do mar.

Três anos mais tarde o furacão Ike rugiu passando pela pequena comunidade litorânea. Quando a tormenta cessou, tinham levado o posto do Corpo de Bombeiros, o Correio e a maioria das 200 casas de Gilchrist. A nova casa dos Adams, porém, permanecia de pé. Os cépticos perguntaram: “Como pôde esta única casa permanecer, quando nenhuma outra do lado da cidade que dava para a Costa do Golfo resistiu?” Ela sobreviveu porque fora planejada para resistir à força do furacão e às vagas causadas por tempestades.

Deveríamos prestar atenção a esta lição ao considerarmos nosso futuro financeiro. Não sabemos que tempestades virão nem quando, mas elas eventualmente ocorrem. Se formos sábios, construiremos nossas casas financeiras sobre alicerces fortes, para que estejam de pé quando o pior tiver passado.

Jesus nos ensinou como construir uma vida: “Portanto, quem ouve estas Minhas palavras e as pratica é como o homem prudente que construiu a sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela não caiu, porque tinha seus alicerces na rocha. Mas quem ouve estas Minhas palavras e não as pratica é como um insensato que construiu a sua casa sobre a areia. Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela caiu. E foi grande a sua queda” (Mateus 7.24-27).

Ele falou, em termos gerais, sobre como seguir Seus ensinamentos na vida diária. Isto inclui mordomia – a forma como administramos nossos recursos financeiros. Quantas casas financeiras não têm caído “com grande queda”, por terem sido construídas na areia do pensamento humano? Durante anos tenho dito que o erro número um que muitas pessoas cometem é ignorar os alicerces dos princípios bíblicos quando administram seu dinheiro, preferindo conselhos seculares. Já que um novo ano apenas começou, gostaria de encorajar você a:

Rever a força de seu alicerce financeiro. Dê atenção especial ao seu plano de se manter livre de dívidas, formar um fundo para emergências e alinhar seus riscos nos investimentos de forma a melhor refletir seu temperamento e estágio de vida. Renove seu compromisso de seguir os princípios protetores de Deus em todas as áreas de sua vida financeira.

Por: Austin Pryor