Educação ambiental

share on:

05/06/2017 – FIQUE POR DENTRO

Educação ambiental é aquela destinada a desenvolver nas pessoas conhecimentos, habilidades e atitudes voltadas para a preservação do meio ambiente.

A educação ambiental deve estar presente dentro de todos os níveis educacionais, como o objetivo de atingir todos os alunos em fase escolar. Os professores podem desenvolver projetos ambientais e trabalhar com conceitos e conhecimentos voltados para a preservação ambiental e uso sustentável dos recursos naturais.

Falando nisso, hoje é o Dia Mundial do Meio Ambiente. A data tem como objetivo principal chamar a atenção de todas as esferas da população para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais.


Entrevista com a bióloga, Silvia Mattar. Ela fala sobre educação ambiental, confira:

 


Criação de polos de ensino a distância será mais flexível

O Ministério da Educação, o MEC, divulgará uma portaria que vai regulamentar a abertura de polos de educação superior à distância no país. A portaria deverá definir quantos polos por ano cada instituição de ensino credenciada junto à pasta poderá abrir.

O processo também ficou mais simples e instituições maiores terão o direito a criar mais polos. As informações foram antecipadas pelo secretário de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC.

Os polos de EaD, Educação a Distância, são locais para atender aos estudantes de cursos a distância. Eles devem ter uma estrutura mínima com biblioteca, computadores, laboratórios e serem espaços onde os alunos possam fazer, por exemplo, as provas presenciais.

A abertura de polos não deverá ter regras de expansão por região, mas o MEC acredita que ocorrerá a interiorização da EaD. Segundo dados informados pelo próprio MEC, a educação a distância cresce em ritmo mais acelerado que a presencial. Os dados do último Censo da Educação Superior, de 2015, mostram que enquanto o ensino presencial teve um crescimento de 2,3 por cento o de EaD teve expansão de 3,9 por cento.


Criação de polos de ensino a distância será mais flexível

O Ministério da Educação, o MEC, divulgará uma portaria que vai regulamentar a abertura de polos de educação superior à distância no país. A portaria deverá definir quantos polos por ano cada instituição de ensino credenciada junto à pasta poderá abrir.

O processo também ficou mais simples e instituições maiores terão o direito a criar mais polos. As informações foram antecipadas pelo secretário de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC.

Os polos de EaD, Educação a Distância, são locais para atender aos estudantes de cursos a distância. Eles devem ter uma estrutura mínima com biblioteca, computadores, laboratórios e serem espaços onde os alunos possam fazer, por exemplo, as provas presenciais.

A abertura de polos não deverá ter regras de expansão por região, mas o MEC acredita que ocorrerá a interiorização da EaD. Segundo dados informados pelo próprio MEC, a educação a distância cresce em ritmo mais acelerado que a presencial. Os dados do último Censo da Educação Superior, de 2015, mostram que enquanto o ensino presencial teve um crescimento de 2,3 por cento o de EaD teve expansão de 3,9 por cento.