Cosméticos

share on:

18/04/2018

O mercado brasileiro de cuidados pessoais para homens só tende a crescer. É o que revelam números da Euromonitor International, empresa de pesquisa que monitora o setor de beleza. Nos últimos 5 anos, o setor de beleza masculina dobrou e deve continuar crescendo 7,1 por cento ao ano até 2019, quando deve se tornar o maior mercado do mundo na categoria. Hoje, os Estados Unidos está em 1° lugar.

O público masculino tem sido uma boa surpresa. Os homens estão mais vaidosos e preocupados com marcas de expressão, redução de medidas abdominais e procedimentos de rejuvenescimento. São clientes fiéis, que gastam mais quando gostam do serviço e indicam os estabelecimentos à família e aos amigos.
5 milhões de pessoas. No país, 1/3 dos Microempreendedores Individuais provém do segmento de cosméticos.

Planos de saúde poderão adotar cobrança de franquia

A partir do próximo semestre, as operadoras de planos de saúde podem passar a cobrar uma franquia de seus segurados em caso de utilização do plano, tal como já ocorre com seguros automotivos.

A informação foi dada pelo diretor de desenvolvimento da Agência Nacional de Saúde Suplementar, Rodrigo Rodrigues de Aguiar. A mudança será estabelecida por uma nova norma da ANS, que deve ser publicada até junho.

Através dela, serão regulamentados nos contratos de convênio médico a adoção de duas modalidades: a franquia e coparticipação no plano contratado – esta segunda em que o cliente paga parte dos custos do procedimento realizado sempre que usar o plano contratado.

Hoje, a coparticipação já é adotada por algumas operadoras, mas através de negociação com cada cliente. A franquia, por ainda não ser regulamentada, não é adotada.

Fonte: Estado de São Paulo

 

Pacote de medidas de combate à corrupção está aberto a consulta pública

Está em consulta pública até o dia 30 de abril um novo pacote de medidas de combate à corrupção no Brasil. Entre os temas em debate estão a redução do foro privilegiado, a criminalização do chamado Caixa 2 e criação de um Sistema Nacional de Combate à Corrupção e Controle Social.

O pacote também propõe um teto para o autofinanciamento em campanhas e sugere a extinção do novo fundo de financiamento eleitoral.

A apresentação das medidas é uma continuação da mobilização iniciada há 3 anos com a coleta de mais de 2 milhões de assinaturas em favor da proposta de iniciativa popular com 10 medidas anticorrupção.

As contribuições podem ser feitas pelo site transparenciainternacional.org.br.

Fonte: Agência Brasil

 

Espinho na Carne

Infelizmente o ser humano não está preparado para perder. Faz parte de nossa natureza querermos ganhar.

Queremos falar a respeito de outra perda. A perda que dói no corpo, não apenas na alma. Aquela que deixa marcas e cicatrizes reais. As perdas provocadas por mutilações, cirurgias, acidentes, que deixam sequelas físicas. Quantas pessoas, de um dia para o outro, passam a ter que conviver com um novo rosto marcado por cicatrizes provocadas por acidentes? Quantos passam a apresentar alguma deformidade visível ou que compromete o caminhar?

Em meio a isso tudo, como enfrentar uma perda física? O primeiro sentimento que surge é o de revolta. “Por que Deus permitiu isso, por que justo eu?” Inevitável pergunta.

Em primeiro lugar é preciso agradecer a Deus por ainda estar vivo. Em seguida, é preciso lembrar que muitas pessoas venceram na vida enfrentando suas adversidades. Beethoven compôs suas principais sinfonias quando já estava surdo. O Aleijadinho esculpiu suas obras de arte usando os pés. Roosevelt presidiu os Estados Unidos em uma cadeira de rodas, durante a Segunda Guerra Mundial. Estes são apenas alguns dos exemplos de milhares de pessoas que têm seguido suas vidas, mesmo tendo sofrido perdas físicas.

Deixe de se lamentar pelas perdas físicas e prossiga a jornada maravilhosa que é a vida. Apegue-se ao Senhor, entregue-lhe o fardo da perda e sinta o alívio que só ele pode proporcionar.

É um desafio, é difícil. Mas vale a pena. Só assim você poderá vencer os traumas gerados pelas perdas físicas.

“ …Foi-me dado um espinho na carne (…) Três vezes roguei ao Senhor que o tirasse de mim. Mas ele disse: ‘Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza.’” Segunda carta aos Coríntios 12.9.