Colchão e travesseiro

share on:

09/11/2017 – FIQUE POR DENTRO

Um terço da sua vida é gasto dormindo, sobre o colchão e o travesseiro. Por isso, prestar atenção onde você passa a noite é fundamental para evitar dor nas costas e problemas de saúde.

Lembrando que a dor nas costas é a principal causa de afastamento do trabalho no Brasil. Segundo o Ministério do Trabalho, só no ano passado mais de 80 mil pessoas faltaram no trabalho por causa de dor nas costas.


Entrevista com o oftalmologista, Leôncio Queiroz Neto. Ele fala sobre a falta de sono e a visão. Confira:

 


O remoto lugar na Terra para descartar satélites

Exploradores e aventureiros, em geral, gostam de procurar novos lugares para conquistar, já que os picos mais altos já foram escalados, os polos foram alcançados e os vastos oceanos e desertos já foram atravessados.

Dois deles são especialmente interessantes. um é o polo continental de inacessibilidade, o local na Terra mais longe do oceano. Existe uma discussão sobre sua posição exata, mas para muitos ele fica próximo ao chamado Passo de Alataw , uma passagem montanhosa na fronteira entre a China e o Cazaquistão.

Este polo de inacessibilidade oceânico não atrai apenas o interesse de exploradores, mas operadores de satélite também se interessam por ele. Satélites menores geralmente se incendeiam ao entrar na atmosfera terrestre, porém alguns pedaços dos maiores conseguem sobreviver ao atrito e se chocam com o solo. Para evitar que caiam em áreas populosas, eles costumam ser conduzidos para a área em torno do ponto de inacessibilidade oceânica.

Um exemplo disso são os destroços da estação espacial Mir, que estão nessa localidade. Ela foi lançada ao espaço em 1986 e recebeu diversos cosmonautas russos e visitantes de várias nacionalidades.


Sopros de esperança

Estavam animados com mais uma jornada de trabalho. Não era um evento especial. Rotina, apenas rotina.

Preparar o barco, enfrentar as ondas, lançar as redes. Esperar.

Invadem o mar, rumo a conquista do pão de cada dia.

O tempo passa e a medo começa a invadir o espaço antes ocupado pela animação. Horas e horas de trabalho sem resultado. Chegou o momento de voltar pra casa.

Desembarcam frustrados. Exaustos de corpo e alma. Um sentimento de falência e inadequação.

Logo o Mestre chega, olha para os homens e os incentiva a encarar as ondas novamente. Cansados, não conseguem nem responder. O Mestre insiste. Eles, meio que contrariados, aceitem o desafio.

Preparam as redes, navegam novamente, sem expectativa, mas navegam. Dessa vez o retorno foi diferente…

Chegaram felizes. Tarefa realizada. Um deles olha para o Mestre e diz: “Afasta-te de mim, sou pecador…”

Essa não é uma história sobre pescaria, é sobre a vida, a minha vida. É a história das minhas tentativas, dos meus fracassos, dos meus sentimentos de inadequação.

É também minha história com Cristo me incentivando a outras tentativas. Jamais condena ou cobra um melhor resultado, apenas incentiva, sopra palavras de Vida que me estimulam a encarar o mar.

Dou as mãos para aqueles homens e abraço a coragem, sabendo que a vida pode ter outro sabor e que o momento atual não precisa me definir como pessoa. Novas tentativas sempre serão possíveis.

Jesus mostra que a vida pode mudar.

Ele acredita em nós.

Isso é graça, isso nos basta.

Pr. Villy Fomin (Inspirado em Lucas 5.1-10)