Capelania Prisional

share on:

23/07/2020 – FIQUE POR DENTRO

A população carcerária no Brasil é a terceira maior do mundo com mais de 773 mil pessoas presas, segundo o Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias de 2019. A legislação brasileira reconhece a capelania prisional, ou seja, a assistência religiosa como um direito do encarcerado. A finalidade da capelania prisional é alcançar os que estão atrás das grades, prestando assistência espiritual e social, pregando aos presidiários o Evangelho de Jesus Cristo, independentemente de religião, condição social, raça, cor e sexo.

Hoje, no Fique por Dentro, Fábio Zamana e Michelle Gomes conversaram sobre o assunto com Arlindo Barreto, Pastor da Convenção Batista Brasileira e capelão prisional, que na década de 1980 fez muito sucesso como intérprete do palhaço Bozo antes da sua conversão. Confira: