Bactérias

share on:

07/11/2017 – FIQUE POR DENTRO

A ameaça é invisível. Por isso, todo o cuidado é pouco com bactérias que, ao se infiltrarem em nossas casas, podem provocar perigosas intoxicações alimentares, alergias e doenças respiratórias. Algumas precauções podem ser tomadas para evitar a contaminação dos ambientes.

• Tirar os sapatos ao entrar em casa reduz em até 90% as chances de contaminação do chão. Os solados coletam bactérias resistentes de ruas, banheiros públicos e calçadas, que são uma ameaça para quem gosta de andar descalço, animais de estimação e crianças que engatinham.

• Para matar os ácaros, lençóis, cobertores e fronhas em uso devem tomar sol por pelo menos 30 minutos antes de serem guardados no armário. Lave-os semanalmente.

• Troque esponja toda semana e panos de prato todos os dias. Eles fazem a limpeza, mas também contaminam os utensílios.

• Não deixe alimentos prontos sobre o fogão. Após duas horas em contato com o meio ambiente, as bactérias surgem e passam a se reproduzir a cada 5 minutos.


Entrevista com a microbiologista e imunologista, Maria Ligia Carvalhal. Ela fala sobre bactérias. Confira:

 


WhatsApp falso engana usuários de Android

Um novo aplicativo falso foi encontrado na Play Store nesta semana. Desta vez, o disfarce escolhido pelos criminosos virtuais foi nada menos do que o WhatsApp, um dos softwares mais baixados nas plataformas mobile em todo o mundo. Para conseguir convencer os consumidores, ele foi disponibilizado como “Update WhatsApp”, tendo até mesmo o logo original.

Para melhorar o disfarce, o desenvolvedor ainda conseguiu inserir o aplicativo como sendo produzido pela “WhatsApp Inc”, usando truques no Unicode para inserir caracteres invisíveis no nome e conseguir passar pela segurança da plataforma da loja da Google.

Desta forma, ficou disponível para download na listagem de resultados de busca por “WhatsApp” e foi baixado mais de 1 milhão de vezes. O lado bom é que não houve a instalação de qualquer vírus neste golpe. De acordo com especialistas do Avast, o software apenas mostrava anúncios de outros aplicativos, mas não roubar dados. Mesmo assim, é importante ficarmos atentos pois nem todo aplicativo falso é bom assim.


O que é Renda Per Capita?
O termo é muito utilizado na área de economia e também de política, pois serve como medidor de desenvolvimento de um país. Renda per capita significa renda por cabeça. Per capita é uma expressão do latim, que significa exatamente por cabeça. A renda per capita mede a renda de cada indivíduo dentro de uma determinada população, calculando uma média geral desse valor.

Podemos medir a renda per capita nas cidades, nos estados e nos países. O mais comum é o cálculo da renda per capita nacional, em que o valor do Produto Nacional Bruto é dividido pelo número de habitantes do país. Normalmente, países desenvolvidos têm uma renda per capita maior do que a de países subdesenvolvidos. Não é uma regra que isso aconteça, porque o número de habitantes é uma variável.

Essas informações nos levam a concluir que, apesar de a renda per capita ser um indicador de desenvolvimento de um país, ela não traduz a realidade do mesmo. Afinal, o índice não leva em conta fatores importante ao desenvolvimento das nações, como a desigualdade social e a concentração de renda.


Viver com fé e esperança

Parte da sabedoria em viver com fé e esperança é a humildade de reconhecer limites e possibilidades – o equilíbrio entre a dependência e a autonomia. Discernir o que cabe a mim, o que cabe ao outro e o que pertence só a Deus. Conhecer a Deus e saber mais sobre seu caráter, seus sonhos e planos, seu coração. Acreditar e confiar que Deus é onipresente, onipotente, onisciente. Está em todo lugar, tudo pode e sabe de todas as coisas. O plano e o sonho é dele e somos participantes de uma história que está sendo escrita.

Parte do que significa uma fé viva e responsável é entender que muitas coisas solicitam minhas escolhas, outras tantas as escolhas dos que me cercam, mas fundamentalmente crer que é em Deus que nos movemos e existimos. Nossa fé e amor estão firmados em uma pessoa, alguém confiável, fiel, leal, todo amor, diferente da minha e da sua inconstância.

Viver essa fé implica em conhecer e aprender do que ele já fez no passado, mas em ter um relacionamento com ele no dia de hoje, conhecer mais sobre seu caráter e seu coração – reconhecer sua presença e companhia viva e constante. Somos transformados nesta amizade que se cultiva diariamente, crescemos em fé, esperança e amor – frutificamos em amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio (Gálatas 5.22).

Relacionar-se à partir disto nos faz crescer e amadurecer nesta fé. Olhar para mim e para o outro através do coração e do olhar de Deus que são tão claros na pessoa de Jesus Cristo, nos ajuda a enxergar mais da nossa identidade e encontrar estes limites e possibilidades – agindo sob a orientação de Deus, nos rendendo aos seus pés, reconhecendo que dependemos dele e da sua ação e intervenção nas nossas vidas. Então cresceremos em amor a Deus e viveremos uma fé viva, responsável, regada pela Graça, leve e abrangente.
Difícil assim. Simples assim. Vamos conversar mais com Deus sobre isso.

Bom dia pra você por aí.

Por: Karen Bomilcar