AVC – Acidente Vascular Cerebral

share on:

01/03/2017

Já não bastasse toda dor e sofrimento que um quadro instalado de depressão causa a quem ela acomete, pesquisas científicas trazem agora uma nova descoberta.

Sendo esse transtorno mental o gatilho para a manifestação de inúmeras doenças, comprovou-se, através de pesquisas feitas ao longo de 12 anos, que ela também pode causar um Acidente Vascular Cerebral, sobretudo em mulheres a partir dos 50 anos de idade.

O estudo foi publicado no periódico norte-americano Stroke e foi realizada pela Escola de Saúde da Universidade de Queesland, na Austrália.

No Brasil, hoje, mais de 100 mil pessoas morrem todo ano no Brasil vitimadas por AVC.

 

Com o neurologista, Pedro Silva Corrêa de Magalhães. Ele fala sobre o AVC – Acidente Vascular Cerebral

 

 

Estudo aponta que DOIS remédios contra câncer agem também contra ebola e dengue

Em novo estudo da Faculdade de Medicina da Universidade Stanford, os remédios Erlotinib e Sunitinib, usados há mais de uma década para o tratamento de câncer, foram testados em camundongos e se mostraram eficientes para enfraquecer os vírus do ebola e da dengue.

Os pesquisadores usaram a combinação destes 2 medicamentos durante vários dias em doses equivalentes aquelas declaradas seguras para pacientes com câncer. Os resultados demonstraram que tais doses melhoraram substancialmente as taxas de sobrevivência entre os camundongos infectados por dengue ou ebola.

Os pesquisadores de Stanford também testaram a combinação dessas drogas contra o zika, a hepatite C e o vírus da febre do Nilo Ocidental, mas apenas em laboratório, sem o uso de camundongos. Ambos os remédios também foram efetivos nestes casos.

 

Liberdade de imprensa

Liberdade de imprensa é a capacidade de um indivíduo de publicar e dispor de acesso a informação, através de meios de comunicação em massa, sem interferência do estado. Embora a liberdade de imprensa seja a ausência da influência estatal, ela pode ser garantida pelo governo através da legislação. Ao processo de repressão da liberdade de imprensa e expressão chamamos censura.

A liberdade de imprensa é tida como positiva porque expõe múltiplos pontos de vista, incentiva o debate e aumenta o acesso à informação. Contudo, é vista como um inconveniente em sistemas políticos ditatoriais, quando normalmente reprime-se a liberdade de imprensa, e também em um regime democrático, quando aplica a censura.

Muitas vezes governos e imprensa não conseguem estabelecer uma relação amistosa mesmo em regimes democráticos.

Um exemplo atual é a relação beligerante que o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem com a imprensa americana. Por não concordarem com medidas adotadas por seu governo, Trump, chegou a dizer que veículos de comunicação como canal CNN e o jornal The New York Times, são inimigos do povo americano.

 

Problema na Falta de Problemas

Você não gostaria de uma semana – ou um único dia – sem ter que enfrentar problemas ou desafios? Parece que não podemos sair da cama sem ter que lidar com algum tipo de problema: acordar com um resfriado; a caminho do trabalho começa a chover e o guarda-chuva ficou em casa; o transporte público não funciona ou está superlotado.

Alguns dias parecem confirmar a famosa Lei de Murphy: tudo o que pode dar errado, vai dar errado. Por que não podemos desfrutar das delícias de uma existência livre de problemas? Uma resposta é óbvia: somos apenas humanos. Cometer erros faz parte da “lista de tarefas” dos seres humanos. Vivendo num mundo imperfeito e imprevisível, problemas são inevitáveis. Erramos com as pessoas; e as pessoas erram conosco.

No entanto, o problema pode trazer benefícios. Esta é a arte da vida: tirar coisas boas de onde só se enxerga coisas ruins. Vemos exemplos na natureza. A lagarta forma o casulo por instinto. Mas para que seja bem-sucedida e se transforme em borboleta precisa enfrentar um problema: lutar para sair do casulo. Artesãos podem confirmar que a madeira é mais rija e útil quando produzida em ambientes difíceis, onde condições climáticas adversas, ou seja, problemas, levam a árvore a crescer mais lentamente; no entanto, mais forte. Seres humanos aprendem mais com fracassos do que com sucessos. Antes de uma grande invenção surgir, você sabe quantas vezes o erro foi necessário para o aperfeiçoamento da invenção e do inventor?

Problemas nos lembram nossas limitações, dissipando nossas pretensões de autossuficiência. Seja em questões de saúde ou financeiras, lutando com decisões além da nossa capacidade, acabamos por tomar consciência de que precisamos de ajuda. Assim, ao se deparar com problemas que o deixam perplexo, considere:

Problemas devem ser encarados de forma positiva. Ao invés de murmurar, deveríamos aceitar os problemas e procurar colher valores positivos ao trabalhar para resolvê-los.

Problemas promovem trabalho em equipe. Um grupo de bois trabalhando em conjunto move mais peso do que cada animal sozinho. Os problemas atestam que podemos realizar mais coletivamente do que individualmente. Há um texto bíblico que diz que “Dois homens podem resistir a um ataque que derrotaria um deles se estivesse sozinho. Uma corda de três cordões é difícil de arrebentar” (Eclesiastes4.12).

Texto de Robert J. Tamasy (adaptado)