share on:
Literatura, estudo bíblico e histórias que são como espelho para nós: conheça mais sobre Israel Mazzacorati, apresentador do mês de junho

Israel Mazzacorati Gomes, 35, é casado com Milena Mazzacorati e mora em Vinhedo há quase cinco anos. Membro da Igreja Batista Água Viva em Vinhedo e pastor responsável pela área de educação cristã, Israel é bacharel em teologia pela Faculdade Teológica Batista de São Paulo e mestre em Teologia Bíblica pela Escola Superior de Teologia em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul. Atualmente faz doutorado também na Escola Superior de Teologia.

Israel atua na missão da Rádio Trans Mundial como apresentador dos programas Didática, Entendendo a Bíblia e Espelho na Janela, além de trabalhar na área editorial da rádio, sendo responsável pela revisão, coordenação editorial e avaliação de livros e de propostas de publicação.

Conheça mais do apresentador nesta entrevista!

Conte-nos sua história com a RTM.

Eu trabalhava na Igreja Bíblica Evangélica da Comunhão, na região da Lapa, em São Paulo. Trabalhava ao lado do pastor Itamir Neves, que tinha sido o meu professor na Faculdade Batista. Desde 2001 caminhamos juntos. Conversávamos bastante sobre o seu trabalho na rádio. Na época, eu conhecia o programa Através da Bíblia e já tinha visitado a RTM.

Saí daquela igreja e passei por um processo de contratação na Igreja Batista da Água Branca, a IBAB, para trabalhar com jovens. No mesmo período recebi um convite da Rádio Trans Mundial. A rádio precisava de um teólogo para fazer a revisão de conteúdos bíblicos e teológicos produzidos para os programas veiculados na rádio, como: Didática, Biografia e Palavra-Chave, e das matérias cristãs lidas ao longo da programação.

No final, o processo com a IBAB não deu certo, e veio uma proposta oficial para eu trabalhar na rádio.

Como foram as primeiras gravações?

Era uma coisa muito nova! O mais perto que eu tinha chegado daquilo era a pregação no culto. A construção de textos para rádio é totalmente diferente da de textos literários. Essa foi a primeira dificuldade. A segunda foi como se portar diante de um microfone, sabendo que você será ouvido por um monte de gente. No começo era muito travado. Hoje é uma coisa muito gostosa, prazerosa, que flui muito mais.

Apresentador da RTM desde 2012, Israel Mazzacorati é pastor, produtor, editor e mestre em Teologia Bíblica

Já teve alguma experiência marcante com a RTM?

Uma experiência geral são os feedbacks que os ouvintes te dão. Ouvintes literalmente do outro lado do mundo.

Tinha um ouvinte do programa Entendendo a Bíblia, o Leandro. Ele a família moravam no Japão há alguns anos. Por conta da jornada de trabalho, ele não frequentava nenhuma igreja no país, e o período que tinha para se alimentar da Palavra de Deus era ouvindo o Entendendo no carro. Ele sempre mandava mensagens e dúvidas que surgiam, indo além do programa e entrando para questões pessoais, às vezes de aconselhamento. Uma vez, Leandro mandou um presente para mim, e a esposa dele escolheu um presente para minha esposa. Isso foi um gesto muito bonito.

Muito mais do que valor de presente é o reconhecimento de você saber que aquilo que você está produzindo quietinho no seu escritório, com a Bíblia, com seu notebook, e depois vem para rádio também no silêncio do estúdio, alcança pessoas para muito além do que podemos imaginar.

Como surgiu o Espelho na Janela?

Espelho na Janela faz parte da história da minha chegada aqui na Rádio Trans Mundial. O programa já existia na rádio, e era chamado Biografia. Apesar de ser fiel à Bíblia e de dar um panorama dos personagens, Biografia era muito didático. Era dividido por tópicos.

A Bíblia não conta a história dos personagens em tópicos, dando aula. A Bíblia narra uma história. Tem a arte poética. Eu conversei com o André Castilho, diretor de Produção de Conteúdo da RTM, e juntos começamos a pensar em uma nova proposta para o programa. Depois fiz o convite para a Renata Burjato não só para gravar, mas também para pôr a criatividade no processo de construção dos programas.

Estabelecemos critérios de interpretação de texto bíblico. Todos os programas estão fundamentados na pesquisa histórica da Bíblia e, para compormos uma narrativa, utilizamos alguns elementos ficcionais. Outro critério que estabelecemos é ler o texto, não para falar para os outros, mas para falar para nós mesmos. Tem de falar primeiro com a gente.

Por que o nome “Espelho na Janela”?

Todo mundo que lê a Bíblia tem aquela sensação de “eu já vivi isso, isso parece muito com uma situação da minha vida, etc.” Esse é fenômeno do espelho. Aquele personagem, nos seus erros, acertos, nas suas dúvidas, nas suas crises espirituais, emocionais, familiares, de alguma forma te colocou diante do espelho. Você se viu ali.

Mas também tem o olhar para fora, olhar para a janela. E ao olhar para fora você vê então um reflexo de si. Não apenas do que você é, mas também de quem você pode ser, de quem você pode vir a ser no plano de Deus e de quem Deus quer que nós sejamos.

O Espelho na Janela surge com esse critério. Olharmos para esses personagens como espelho e como uma proposta. Quem eles nos revelam sobre nós mesmos, o que eles nos revelam sobre nós mesmos e que tipo de pessoa eles estão motivando a ser.

Ouça o Didática, Entendendo a Bíblia e Espelho na Janela, programas apresentados por Israel Mazzacorati. Assista aos vídeos do apresentador para o canal da RTM no YouTube.

E acompanhe nossas redes sociais. Em breve, o pastor trará novidades para você, ouvinte da Rádio Trans Mundial.