share on:
Img_IconeBaixar_680px

14 de Dezembro de 2020

Leitura Bíblica: Eclesiastes 1.2;12-14

“Que grande inutilidade!”, diz o mestre. “Que grande inutilidade! Nada faz sentido!” (Ec 1.2)

Sempre estudei em escolas particulares. Minha família tinha boas condições financeiras, mas não tanto quanto as dos meus colegas. Cresci vendo filhos seguindo as profissões dos pais para continuarem ricos. Meus amigos estudaram nas faculdades mais conceituadas, fizeram cursos que trariam muito lucro e moraram nas melhores repúblicas. Lembro-me que um deles disse: “Não posso ser menos que meus amigos. Vou fazer Medicina e seguir o curso do padrão de vida que temos”. Isso tudo é vaidade, ou seja, o excesso de valor que se dá ao aparente, caraterizado pela esperança de reconhecimento ou admiração de outras pessoas. Quando chegou minha vez de escolher um curso superior, tinha em mente o que tive na infância e adolescência. Isso me prejudicou demais! Ficava com dúvida entre “ser” e “ter”. Ser é melhor que ter. Quem tem, não necessariamente é; quem é, pode até ter, mas continua valorizando o ser. Ser o quê? Alguém do bem, com princípios, que valoriza as pessoas mais do que as coisas. Comecei um curso que me traria grande retorno financeiro, mas, quando ia me deitar à noite, pensava o quanto insatisfeito estava por causa da vaidade. Mais tarde comecei outro curso, que sempre quis, mas que não era “atrativo” para os padrões do meio em que cresci. Então, aprendi que nada daquilo traria satisfação e plenitude.

A vaidade diz muito sobre o ter, mas pouco, ou até mesmo nada, sobre o ser. Ela nos faz viver em função da aprovação das pessoas e ter prazer em contar vantagens. Também leva ao acúmulo de riquezas e glamour, porém longe do padrão de serviço ensinado por Jesus. Tudo se torna irrelevante, vazio, fútil: uma ilusão, como diz o texto de hoje. O livro de Eclesiastes mostra que a única forma de vencer isso é temer a Deus e obedecer aos seus mandamentos (12.13), o que nos trará uma consciência tranquila, sentido para a vida e verdadeira realização. – Gabriel de Araújo Almeida

Ser bem-sucedido diante de Deus é viver com e por ele sem qualquer vaidade!


O Presente Diário 23 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2020. Conheça os diversos formatos nesse link!