share on:
Img_IconeBaixar_680px

01 de Março de 2020

Leitura Bíblica: Lucas 4.22-30

Os chefes dos sacerdotes e todo o Sinédrio estavam procurando um depoimento falso contra Jesus, para que pudessem condená-lo à morte. Mas nada encontraram, embora se apresentassem muitas falsas testemunhas (Mt 26.59-60).

Você já foi acusado de algo sem ser culpado? Uma acusação injusta geralmente nos fere profundamente e traz tristeza. Todavia, todos nós comentemos erros em nossa vida. Eu, por exemplo, já falhei diversas vezes com minha esposa e meus filhos, deixando de dar a eles o amor, a atenção e a compreensão que mereciam. Se eles quisessem fazê-lo, teriam motivos justos para me acusar. No entanto, quero falar com você sobre Jesus. Já no episódio narrado no texto de hoje tentaram matá-lo; depois, ele foi acusado e então morto de forma violenta e cruel. Contudo, não tinha culpa alguma em nenhuma das ocasiões. Quando ele foi preso e julgado, houve depoimentos falsos, mas não foram encontradas provas que pudessem incriminá-lo (veja os versículos em destaque). Mesmo assim, condenaram e mataram Jesus.

Jesus não precisava ter passado por todo esse sofrimento, mas isso se fez necessário por causa da nossa culpa. Ele era inocente, mas nós não: você e eu somos culpados. Praticamos constantemente aquilo que desagrada a Deus, ou seja, somos pecadores. E Deus nos diz em sua Palavra que o salário do pecado é a morte (Rm 6.23a). Nós podemos ser acusados de forma justa. Mas Deus, por nos amar e querer um relacionamento conosco, deu a vida de seu único Filho para que pudéssemos ser inocentados da nossa culpa e escapar da condenação – a morte eterna. Não precisamos mais carregar qualquer culpa se cremos em Cristo e nos rendemos a ele. Se você já recebeu em sua vida o perdão que Deus graciosamente lhe estende, aproveite este momento para agradecer a ele por tão grande bondade. Mas se você ainda vive sob o peso da culpa, volte-se para Cristo com arrependimento e fé, pois somente ele pode inocentá-lo. – Marcos Passig

Jesus, o único inocente, tornou-se culpado por amor a nós, para que não tivéssemos mais culpa!


O Presente Diário 23 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2020. Conheça os diversos formatos nesse link!