share on:
Img_IconeBaixar_680px

08 de Fevereiro de 2020

Leitura Bíblica: Mateus 25.41-46

Estes irão para o castigo eterno, mas os justos para a vida eterna (Mt 25.46).

O modo de viver descrito na leitura bíblica lhe parece familiar? É fácil viver tão focado em si mesmo que deixamos de ver o que acontece em volta. Inúmeras necessidades e responsabilidades pessoais aparentemente tornam impossível dar atenção a amigos, vizinhos e parentes. Costumamos dizer que o tempo voa e que não conseguimos fazer quase nada o dia todo. Assim escorrem dias, semanas, meses e anos. O mundo ensina a pensar em nós mesmos como o centro do universo, e é preciso muita ousadia para romper esse paradigma.

A melhor maneira de mudar é começar a agir de forma diferente. Embora tenha falado sobre ajudar o próximo (p. ex. em Mt 6.1-4), Jesus não se limitou a ensinar uma nova filosofia. Ele era diferente, e sua forma de lidar com o próximo, especialmente com os necessitados, estabeleceu uma mentalidade nova. Ele demonstrou na prática aos seus discípulos que é preciso estar atento ao que ocorre em volta, pois há grandes necessidades por toda parte. Ele se importava com o que acontecia em torno de si e quer que façamos o mesmo.

Você já ousou parar de pensar em si mesmo e viver por amor ao próximo? Em usar a sua vida para tornar melhor a de outros? Quem vive assim não é nem filósofo, nem religioso. É alguém que pratica o que crê, aquilo que Jesus ensinou: “O meu mandamento é este: Amem-se uns aos outros como eu os amei. Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelos seus amigos” (Jo 15.12-13). Amar o próximo é a marca do cristão, porque o seu modelo de vida – o próprio Senhor Jesus – vivia assim. A fé nele transforma as nossas prioridades e preocupações, a ponto de não nos concentrarmos mais em as nossas necessidades básicas (cf. Mt 6.33). Afinal, sabemos que ele suprirá o que precisarmos, e isso nos liberta para sempre pensar em primeiro lugar no próximo, no que ele precisa e em como podemos prover isso. – José Donato Cavalheiro

Quando deixo Deus cuidar do meu sustento, posso distribuir os meus cuidados às pessoas à minha volta.


O Presente Diário 23 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2020. Conheça os diversos formatos nesse link!