share on:
Img_IconeBaixar_680px

06 de Fevereiro de 2020

Leitura Bíblica: Deuteronômio 9.1-6

Não é por causa de sua justiça ou de sua retidão que você conquistará a terra delas (Dt 9.5a).

Depois de quarenta anos andando pelo deserto, esperando até que morressem aqueles que tinham insistido em duvidar dos bons planos de Deus para seu povo, agora os israelitas estavam prestes a finalmente entrar na terra de Canaã, onde Deus prometera que eles morariam. Por isso, a advertência de Deus pela boca de Moisés, reproduzida na leitura de hoje, era muito pertinente: “Quando vocês conquistarem essa terra, não pensem que mereceram isso como recompensa por bom comportamento! Deus vai lhes dar a terra, e todo o mérito será única e exclusivamente dele! Não são vocês que são bons e justos; essas nações é que são terríveis em sua rebeldia contra o Senhor!” Logo, tudo dependia do poder e da intervenção do Deus Todo-Poderoso.

Infelizmente, até hoje as pessoas têm o costume de julgar que obtiveram suas conquistas (sucesso, riqueza, bons relacionamentos, reconhecimento) ou mesmo a vida eterna por causa da sua própria justiça, por seus próprios méritos. A palavra de Deus ao povo de Israel acerca da conquista da terra de Canaã continua valendo: “Não é por causa de sua justiça ou de sua retidão que você conquistará (qualquer coisa)”.

Em outro lugar, a Bíblia diz: “Vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie. Porque somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as quais Deus preparou antes para nós as praticarmos” (Ef 2.8-10). Em tudo, o mérito real é de Deus: ele nos criou, ele determinou as boas obras que praticaríamos e, acima de tudo, ele providenciou o perdão para a nossa rebeldia, a um preço altíssimo: a vida do seu Filho Jesus, que morreu na cruz, mas ressuscitou ao terceiro dia, e agora vive para sempre, como o único Mediador entre Deus e os homens. – Mário Miki

Jesus aceitou a morte que ele não merecia para nos dar o que nós não merecemos: vida eterna com Deus.


O Presente Diário 23 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2020. Conheça os diversos formatos nesse link!