share on:
Img_IconeBaixar_680px

13 de Maio de 2019

Leitura Bíblica: Filemom 1.1-21

Se você me considera companheiro na fé, receba-o como se estivesse recebendo a mim (Fm 17).

Os poucos versos da carta a Filemom guardam uma revolução social! Onésimo fora escravo de Filemom, porém provavelmente havia fugido por causa de um roubo cometido contra o dono. Na fuga, encontrou-se com Paulo e converteu-se por meio do seu ensino. Agora Paulo envia o fugitivo de volta ao seu antigo “dono”, que deveria acolhê-lo, não como escravo, mas como irmão em Cristo, de igual para igual!

Escravizar alguém, quer no Império Romano do século I quer na vergonhosa história da escravatura brasileira, é uma atitude de opressão, crueldade e exploração. É indigno. Impõe ao semelhante a indubitável marca da desigualdade, da sujeição à sua própria espécie, privando-o do direito à liberdade, e provoca a objetificação da pessoa (pois todo escravo tem um dono). Paulo viu em Onésimo não um escravo, mas um homem igual a ele e pede que agora Filemom o trate como se ele fosse o próprio Paulo: como um igual e com o amor de um companheiro de fé!

Infelizmente, ainda vivemos num mundo de desiguais. Apesar da abolição da escravidão, o negro, o pobre, o que faz serviço braçal, o que tem pouca cultura ainda é visto com desdém, como uma sub-raça não merecedora de igualdade e do acesso a tudo de bom que todos deveriam desfrutar.

Além da mancha da escravatura que ecoa desde o passado em tantas estruturas da nossa sociedade atual, temos em pleno século XXI pessoas vivendo em regime de escravidão em nosso país, pela exploração de mão de obra barata, e tratamos as pessoas com base em critérios bem diferentes dos que Cristo mandou que usássemos. Talvez a escravidão esteja distante de você, mas certamente você encontrará hoje alguém tratado de maneira não igualitária. Então, faça o que Paulo pediu a Filemom: receba qualquer um como sendo igual a você. Porque, de fato, o outro é igual a você e a mim, criado à imagem e semelhança de Deus e por ele dignificado! – Wanderley de Mattos Júnior

Considerar o outro inferior é atitude indigna para quem sabe que foi criado por Deus.


O Presente Diário 22 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2019. Conheça os diversos formatos nesse link!

Você também pode baixar o aplicativo disponível para iOS e Android.