share on:
Img_IconeBaixar_680px

29 de Agosto de 2019

Leitura Bíblica: Isaías 3.1-26

Vivam em amor, como também Cristo nos amou e se entregou por nós como oferta e sacrifício de aroma agradável a Deus (Ef 5.2).

Por vezes, a imagem inicial que formamos a respeito de alguém parte da nossa observação do seu exterior. Usando nosso olhar quase como um scanner, vamos registrando em nossa mente o que pensamos que tal pessoa seja, mesmo sem ouvir o som da sua voz muito menos conhecendo-a por dentro.

A leitura bíblica de hoje relata uma análise de Deus a respeito de Judá e Jerusalém. No entanto, a grande diferença entre a avaliação divina e os nossos “achismos” cotidianos é que Deus conhece muito bem de quem está falando. Embora amasse seu povo, Deus não aceitou os seus pecados, isto é, sua rebeldia e desobediência ao Senhor.

Vemos claramente que ele conhecia muito bem os seus maus atos e, para comprovar isso, ele menciona em detalhes como seria juízo que o povo sofreria. Mas também é importante notar que o castigo de Deus não é movido pela ira cega, mas sabe separar muito bem aqueles que o seguem daqueles que lhe desobedecem.

Quando viveu aqui na terra, Jesus também agiu assim. Não tinha medo de apontar os erros e a hipocrisia (p.ex. dos líderes religiosos), mas, por conhecer exatamente as intenções de cada pessoa, era generoso com sua compaixão em relação a cada um que o buscava com sinceridade.

É este exemplo que precisamos seguir: sem compactuar com os pecados óbvios do outro, nosso olhar não deve ser de acusação, mas de amor. Não é nosso papel mensurar a fortuna alheia, mas suprir as necessidades do próximo. Não é pisar em quem está caído, mas dar força àquele que não tem vigor. Em vez de reprovar, conciliar.

Que o nosso olhar para qualquer pessoa que encontramos vá muito além da aparência exterior. Que Jesus nos ensine a ver as qualidades do outro e suprir suas necessidades, levando cura e restauração – como Cristo, que não hesitou em morrer em nosso favor. – Edmilson Gonçalves de Oliveira

Olhar para Jesus e para nós mesmos deve ser suficiente para despertar compaixão pelo próximo.


O Presente Diário 22 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2019. Conheça os diversos formatos nesse link!

Você também pode baixar o aplicativo disponível para iOS e Android.