share on:
Img_IconeBaixar_680px

30 de Maio de 2020

Leitura Bíblica: 2 Crônicas 33.1-13

Miserável homem que eu sou! Quem me libertará do corpo sujeito a esta morte? (Rm 7.24)

Há esperança para alguém como o rei Manassés? Além de todas as atrocidades mencionadas no texto de hoje, em 2Rs 21.16 ainda é dito que ele “derramou tanto sangue inocente que encheu Jerusalém de um extremo ao outro; além disso levou [o povo de] Judá a cometer pecado e fazer o que o Senhor reprova”. Tanta maldade não ficou impune: por meio dos assírios e de forma humilhante, Deus levou-o para longe de seu reino. Somente então ele caiu em si e buscou ao Senhor. Neste ponto da história, talvez você pense que, por tudo que ele fez, Deus não devia nem ouvi-lo. Mas ele não age como o ser humano: atendeu o pedido de Manassés e restaurou sua vida, reconduzindo-o ao trono. A continuação do texto bíblico mostra que a partir dali o rei mudou totalmente de atitude, retirando os altares idólatras que tinha posto no templo do Senhor e ordenando ao povo que servisse ao Deus verdadeiro. No v. 18 está escrito que ele orou “a seu Deus” – não apenas de seus antepassados, pois a partir daquela situação extrema passou a servi-lo também.

No versículo em destaque, Paulo reconhece a dificuldade que todos temos de fazer somente o que agrada a Deus, pois nosso corpo busca atender seus próprios desejos. Nossos pensamentos e atitudes nem sempre condizem com o que Deus quer e mostram que somos miseráveis. Porém, quando admitimos isso, quebrantados, contritos e dispostos a mudar a direção de nossas vidas, Deus nos perdoa. Podemos não ter cometido tantas maldades como Manassés, mas assim como ele também precisamos nos humilhar e nos voltar ao Senhor. Não importa o que já fizemos ou deixamos de fazer, nosso passado ou a culpa que carregamos: ao entregar a vida a Cristo com fé, encontramos perdão! Deus “tornará a ter compaixão de nós; pisará aos pés as nossas iniquidades e lançará todos os nossos pecados nas profundezas do mar” (Mq 7.19, ARA). – Gabriel de Araújo Almeida

“Se confessarmos os nossos pecados, [o Senhor] é fiel e justo para perdoar os nossos pecados” (1Jo 1.9a).


O Presente Diário 23 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2020. Conheça os diversos formatos nesse link!