share on:
Img_IconeBaixar_680px

22 de Outubro de 2019

Leitura Bíblica: João 8.1-11

Ó Senhor, Esperança de Israel, todos os que te abandonarem sofrerão vergonha; aqueles que se desviarem de ti terão os seus nomes escritos no pó, pois abandonaram o Senhor, a fonte de água viva (Jr 17.13).

A condução coercitiva é um recurso que a autoridade judicial pode usar para obrigar alguém a comparecer a fim de prestar esclarecimentos sobre determinado fato. Usa-se quando a pessoa não atende a uma intimação e não apresenta justificativa para isso. Quando envolve personalidades de destaque nacional, costuma ser amplamente divulgada pela mídia e redes sociais.

Na leitura bíblica indicada para hoje, também encontramos uma espécie de condução coercitiva. Surpreendida em adultério, uma mulher é levada até Jesus. Os mestres da lei já tinham decidido o veredito, já que a pena para tal crime consistia em apedrejamento, mas queriam ver o que o Senhor diria a respeito. Questionado, Jesus aceita a aplicação da lei, desde que apenas quem nunca tivesse cometido qualquer transgressão a executasse. Após um breve momento de silêncio, os acusadores da mulher começaram a se retirar, a começar pelos mais velhos, enquanto Jesus seguia escrevendo no chão. Quando por fim ficou sozinho com a mulher, Jesus, o único que realmente teria direito de apedrejá-la, dá seu veredito cheio de graça e misericórdia: “Eu também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de pecado” (v.11).

O que será que Jesus estava escrevendo no chão? Talvez o nome daqueles líderes, que esperavam ter seus nomes eternizados numa lápide de mármore? Além de terem sido envergonhados pelas palavras de Jesus, o vento logo apagaria os nomes escritos no pó e acabaria com a sua “justiça” própria (veja o verso em destaque).

Lembre-se: não importa qual seja o seu pecado, se você for confrontado com ele em vida, fale a verdade, confesse-o e seja absolvido, mudando de comportamento. – Vanderlei Schach

A condução coercitiva a Deus é para o nosso bem, pois ele deseja perdoar o arrependido.


O Presente Diário 22 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2019. Conheça os diversos formatos nesse link!

Você também pode baixar o aplicativo disponível para iOS e Android.