share on:
Img_IconeBaixar_680px

17 de Fevereiro de 2019

Leitura Bíblica: Mateus 6.24-34

Vocês nem sabem o que lhes acontecerá amanhã! Que é a sua vida? Vocês são como a neblina que aparece por um pouco de tempo e depois se dissipa (Tg 4.14).

Você já sentiu ansiedade? Talvez esta pergunta esteja mal elaborada: você conseguiu passar ao menos um dia desta semana sem ficar ansioso? Mas o que há de errado em viver assim? Jesus traz muitas respostas a esta questão, dentre as quais destaco apenas quatro, retiradas do texto de hoje:

1. A ansiedade é fruto de um tipo de idolatria (v.24), que pode ser a busca incansável pela saúde perfeita, por um corpo escultural, por estabilidade financeira ou conforto a qualquer preço. Quem anseia demais por estes recursos oferecidos pelo mercado não deseja o que é relacionado a Deus.

2. Ela nos rouba a satisfação com aquilo que recebemos de graça da parte de Deus (v.25), como o corpo e a vida. Duvidamos que aquele que nos deu presentes tão sublimes possa nos suprir com roupas e comida. É por isso que a ansiedade é considerada uma afronta a Deus; ela é mais condizente com um estilo de vida pagão (v.32).

3. Pode estar ligada com uma baixa autoestima (v.26), que faz pensar que, se não formos ambiciosos, ficaremos para trás. Mas para trás de quem, afinal de contas? A verdade é que tendemos a reduzir o nosso valor àquilo que produzimos e não ao que somos no relacionamento com Deus. No entanto, se invertermos esta lógica, seremos felizes da maneira como ele nos fez, desenvolvendo apenas as aptidões que ele nos deu.

4. Ela provém da desconfiança quanto à soberania de Deus sobre nossa existência (v.27). Hoje se crê que a longevidade se adquire mediante uma boa alimentação e a prática de exercícios. Mas será que isso garante vida longa? É justo e certo que nos alimentemos adequadamente e nos exercitemos, desde que tenhamos isso em mente: Deus tem os nossos dias contados (Sl 139.16).

Assim, é possível afirmar: quem confia completamente em Deus não precisa viver ansioso! – André Luís Selent

A única preocupação do cristão deve ser viver para Deus e levar mais e mais pessoas a um encontro com Jesus (Mt 6.33; 28.19-20).


O Presente Diário 22 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2019. Conheça os diversos formatos nesse link!

Você também pode baixar o aplicativo disponível para iOS e Android.