Compartilhe em:

Img_IconeBaixar_680px

 

06 de dezembro de 2018

Leitura Bíblica: Apocalipse 22.8-17

Quem tiver sede, venha; e quem quiser, beba de graça da água da vida (Ap 22.17c).

No filme épico Ben-Hur há uma cena marcante. O herói, o príncipe judeu Ben-Hur, acorrentado injustamente a outros condenados, é levado ao trabalho forçado. A certa altura da caminhada pelo deserto, estando todos exaustos e mortos de sede, a tropa para junto a um poço. Impedido de tomar água, Ben-Hur desaba e, com a boca no pó, clama pela ajuda de Deus. Nisto aparece Jesus, que se aproxima e lhe dá de beber. Este gesto reanima Ben-Hur, que segue sua marcha.

Esta cena aponta para Cristo, que mata nossa sede mais profunda: a da alma. Ele mesmo disse: “Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva” (Jo 7.37b-38). No final da Bíblia, de novo aparece o convite (veja o versículo em destaque). Este convite me tocou e me levou a crer e a entregar minha vida a Jesus. Eu era então um jovem que sentia um grande vazio interior. Buscava em jornais artigos cujo conteúdo me desse alguma luz para viver. Desde pequeno frequentei uma igreja, com a Bíblia debaixo do braço, mas eu era apenas religioso e ainda não via nela conteúdo significativo. Até que, num certo dia agitado, voltando da escola, à noite, de alma sedenta, resolvi ler algo na Palavra de Deus. Acabei lendo a última coluna do texto impresso: a leitura bíblica de hoje.
Quando li o versículo 17, senti-me tocado. Então, com poucas palavras, clamei a Deus. No dia seguinte, acordei tomado por uma grande alegria, nunca antes sentida. Tudo era diferente. Até o cantar dos pássaros e o brilho do sol agora me pareciam fascinantes e me faziam pensar no Criador. Aprendi assim a ir à fonte da água viva e sair dali de alma leve, sobretudo nos dias difíceis.

Você está sedento por sentido para a A fonte da água que mata nossa sede mais profunda existe e está próxima: Cristo!vida? Busque a Cristo: ele saciará a sede da sua alma. – SVM

A fonte da água que mata nossa sede mais profunda existe e está próxima: Cristo!