share on:
Img_IconeBaixar_680px

14 de Setembro de 2019

Leitura Bíblica: Filipenses 4.6-7

Sem fé é impossível agradar a Deus, porque quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam (Hb 11.6).

Andei descobrindo que é possível sucumbir à ansiedade e nem se dar conta disso. Podemos não perceber o quanto nossos pensamentos, palavras e atitudes refletem que estamos ansiosos. Aflitos por nos desdobrar em esforços que não atingem o resultado esperado, começamos a substituir o tempo reservado para Deus por válvulas de escape, como aconteceu com aqueles três discípulos no Getsêmane que, em vez de orar, dormiram de tristeza (Lc 22.45). A nossa reação pode ser refugiar-nos em comida, faxina, filmes, exercícios físicos, etc… Nenhuma dessas coisas é necessariamente ruim, mas se tornam um problema quando servem de fuga para evitar um problema que não conseguimos entender. Elas trazem um certo alívio, preenchem o nosso tempo e não temos que lidar diretamente com o desconforto da espera – mas não resolvem nada. Sem falar em outros sintomas, como dores no estômago, insônia pelos pensamentos agitados, irritabilidade…

O futuro parece um embrulho fechado, causando insegurança porque não temos como saber o que tem dentro dele. Recorda-me os dias que antecediam o Natal: uma semana antes, lá estavam os presentes comprados e colocados debaixo da árvore. Por um lado, eu tinha a certeza de que não ficaria sem presente, que não haviam esquecido de mim. Por outro lado, tinha a impressão de que já tinha esperado tanto que não dava para aguentar mais. E ainda havia aquela pontinha de medo: e se não fosse bem o que eu estava esperando?

O cristão não está isento de sentir ansiedade, mas ao mesmo tempo tem a instrução de não se deixar afundar nela. Ele pode apresentar tudo a Deus, como se este lhe dissesse: “Você pode não saber o que o futuro trará, mas você sabe quem o tem em suas mãos”. Assim, é capaz de basear sua espera não na incerteza do presente, mas no conhecimento que tem do Presenteador. – Angel de Andrade Blumer Gonçalves Larsen da Silva

Esperar não é fácil, mas confiar na bondade de Deus é sinal de fé!


O Presente Diário 22 possui diversos formatos para você acompanhar o devocional todos os dias de 2019. Conheça os diversos formatos nesse link!

Você também pode baixar o aplicativo disponível para iOS e Android.