share on:

28 de Setembro de 2020

Deixe-me fazer um teste de memória com você. Quando foi a última vez que você passou muita, muita, mas muita raiva? Deu pra lembrar? Claro que nem todo mundo expressa a raiva da mesma maneira. Alguns gritam, batem porta, batem em alguém, outros se calam e fervem por dentro de tal modo, que todo seu corpo sofre por longo período.

A raiva é a condição da natureza humana de levantar-se contra um fato que ameaça todos os seus valores sejam eles morais, econômicos e históricos. A ira é o grande revelador do ser humano. É um estado em que até sua força física se multiplica e é capaz de muito alvoroço ou até mesmo de um ataque cardíaco.

Como você reage quando a ira se manifesta em você? Você sabe que o próprio Deus, revelado por Cristo Jesus, pelo seu Espirito orienta: “Ao ficar com raiva não se permita rebelar-se contra mim.”18 Não se trata de alguma justificativa barata. O Criador reconhece a realidade da raiva na existência humana. No entanto esse é o limite. Utilize o impulso que a ira libera em você para resolver o problema e não meramente para agredir pessoas ou mesmo o Criador. Você sabia que Jesus se irou?19

O ser humano em rebelião contra Deus e Pai de Cristo Jesus tem uma ira contaminada pelo pecar. Na narrativa bíblica revela como o ser humano chega a tal estado como se fosse gerado pela própria ira. Uma constante raiva de tudo e de todos. Um filho da ira.20 Você já viu ou leu como fica um cão ou gato que contraiu a raiva?21 Leia e verifique os cuidados. Sem tratamento esse vírus leva a morte do animal ou da pessoa contaminada.

Quando no entanto o ser humano tem suas motivações, seus pensamentos firmados no amor que Deus Pai lhe tem e demonstra, ao reconhecer a santidade com que Deus trata o ser humana torna-se filho do amor de Deus Pai. A comunhão com Deus pela fé de Cristo Jesus traz tal benção espiritual sobre o coração humana como se fosse transportado para o reino do filho do Seu amor: Cristo Jesus. Percebe como é necessário ter bases divinas para aprender a expressar sua raiva de modo digno de um ser humano? Assim Deus Pai planejou.

Percebe como é necessário ter bases divinas para aprender a expressar sua raiva de modo digno de um ser humano? Assim Deus Pai planejou!

Esta mensagem responde à pergunta: Como vivenciar a ira, a raiva, sem pecar contra Deus Pai?

Tarefa para Hoje: As emoções, como a ira, a raiva, precisam ser canalizadas para construir, para resolver problemas, vencer obstáculos e não para destruir pessoas.


Notas

¹ 18 Efésios 4:26-32 “Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira, nem deis lugar ao diabo. Aquele que furtava não furte mais; antes, trabalhe, fazendo com as próprias mãos o que é bom, para que tenha com que acudir ao necessitado. Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça aos que ouvem. E não entristeçais o Espírito de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção. Longe de vós, toda amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias, e bem assim toda malícia. Antes, sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus, em Cristo, vos perdoou”

² 19 João 2:17 “E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorou.” Jesus expulsa do templo só mercadores e vendições. Mateus 21:12

³ 20 Efésios 2:2,3 “Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência; Entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também.”

⁴ 21 https://saude.gov.br/saude-de-a-z/raiva