Compartilhe em:

11 de Abril de 2019

Você gosta do trabalho que tem? Muitas pessoas não gostam do próprio trabalho. Cada dia é como uma tortura se tem que trabalhar. Outros sonham com a aposentadoria que pode nem estar perto. Já ouvi pessoas dizerem que o trabalho é uma maldição. Como você encara o seu trabalho?
Quando a sabedoria antiga diz que “o trabalho dignifica o ser humano” quer destacar como você e o seu trabalho adquirem uma importância, uma influência sobre as pessoas á sua volta. É claro que o trabalho traz desafios, preocupações, angustias das mais diversas. Trabalhar é viver na contramão do egoísmo, do individualismo e da acomodação.

A narrativa da história divina, inserida na existência humana explica esses desafios comuns do trabalho. A terra, foi amaldiçoada pela incredulidade humana no Criador. E dito que o ser humano, isto é você, eu, sofreremos no trabalho durante toda a vida. “É dito que a terra produzirá espinhos e mato, será penoso conseguir alimento; você vai plantar, regar e colher, vai suar na lavoura, de manhã cedo até bem tarde…”

Esse cenário não é maravilhoso. No entanto a fé de Cristo Jesus reverte essa maldição em benção. Jesus declarou: “Meu Pai trabalha até agora e eu trabalho também. ” O Espirito de Cristo dá uma nova direção para o ser humano, reconciliado com o Criador: Seja comendo ou bebendo, em qualquer outra atividade, vivam de modo a glorificar, agradar a Deus Pai.

Imagine o benefício do seu trabalho não apenas para você ganhar algum dinheiro. Avalie seu trabalho na perspectiva do benefício que traz também para outros. Seu trabalho, bem feito, certamente traz benefício a outros. Eu sei que se você não fizer o seu trabalho o mundo continuará existindo.

Outra pessoa pode realizar muito bem suas tarefas. No entanto aqui está um aspecto significativo. Só você faz esse trabalho de um modo todo seu. Sua presença, sua pessoa, sua influência através do seu trabalho é única, não há similar, não há outro igual. É você em reconciliação com Deus Pai, quem torna o seu trabalho instrumento de bênção para outros e glória para o Criador.


Esta mensagem responde á pergunta: Será que paira alguma maldição divina sobre o trabalho? Por qual razão é tão difícil?
Aplicação para a sua vida: O trabalho sempre foi o instrumento para o ser humano, para você ser útil não apenas a si mas também para o próximo, diante de Deus Pai.


Gênesis 3:17-19 Neste primeiro livro da Bíblia é narrada a criação, a relação de Deus com o homem e da promessa de Deus a Abraão e seus descendentes.
João 5:16-18 “E por esta causa os judeus perseguiram a Jesus, e procuravam matá-lo, porque fazia estas coisas no sábado.
E Jesus lhes respondeu: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também.” Por isso, pois, os judeus ainda mais procuravam matá-lo, porque não só quebrantava o sábado, mas também dizia que Deus era seu próprio Pai, fazendo-se igual a Deus.” Este evangelho escrito entre 80-90 dC pelo apóstolo João no estilo é reflexivo e cheio de imagens e figuras organiza sua mensagem enfocando sete sinais que apontam para Jesus como Filho de Deus.
1 Coríntios 10:31 “Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus.” Entre 55 a 57/ dC o Apóstolo Paulo responde a 10 questões de Corinto: espírito sectário, incesto, processos, fornicação, casamento e divórcio, alimentos oferecidos a ídolos, uso do véu, a Ceia do Senhor, dons espirituais e a ressurreição do corpo.