share on:

09 de Abril de 2020

Gostei de uma música cuja letra diz assim: O amor tem feito coisas, que até mesmo Deus duvida, já curou desenganados, já fechou tantas feridas, Mesmo que seja de aço. Mesmo que seja de pedra. Fica tão cicatrizado que ninguém diz que é colado. Foi assim que fez em mim. Foi assim que fez em nós. Esse amor iluminado.” Mas recentemente eu descobri que quem faz é o amoroso, é ele ou ela quem ama. O amor, como o ódio precisa de um ser para encarna-lo, para leva-lo a se manifestar. E ai, o que você pensou dessa minha “estupenda” conclusão?.

Ela serve também para a coragem e para a covardia. O corajoso enfrenta, luta, vai em frente. O covarde foge, se esconde, abandona seu posto, sua decisão, sua escolha. Então só resta uma saída coerente para essa conclusão: parar de falar da paz, do amor, da alegria como se fossem entidades, pessoas pois não são. Na realidade esses conceitos estão ai, mas só se tornam reais quando alguém, de carne e osso lhes dá expressão na vida.

Então aquela música que lhe falei, na verdade fica assim: o amoroso tem feito coisas que surpreende até mesmo Deus . O amoroso não cura o desengano, mas os curou os desenganados, o amoroso ou amorosa já fechou tantas feridas na alma dos feridos…”

Quando falamos do amor, só podemos ter como referência o Deus que ama, do Deus que age motivado pelo interesse na criaturas, pela restauração da criatura que o abandonou e agora sofre as consequências.

Lembre-se o amor nada é se não houver alguém, um ser, uma mente, um corpo que lhe dê realidade. Então quando pensar no amor lembre-se que melhor é lembrar-se do Deus que amou a criatura de tal maneira que entregou a própria vida do filho único para restaurar a razão da existência humana. O cristão não adora o amor, mas o Deus que ama e o amou quando ele ainda era rebelde, inimigo do divino. Somente o amoroso preserva a vida. Por isso esse Deus amoroso é o Deus da vida. Esse é o Deus que sara corações envenenados pela morte, cura feridas feitas pela mentira. Andar com Ele é ter vida aqui e por toda eternidade em amor.

Esta mensagem responde à pergunta: A raça humana tem a condição neutra para escolher entre a salvação e a perdição?

Tarefa para Hoje: A raça humana já está condenada. Há apenas uma saída providenciada pelo próprio Deus. Essa é o evangelho. Você precisa compreender e conhecer o evangelho de Cristo Jesus.

https://www.youtube.com/watch?v=UV-O28565mM AMOR LIUMINADO cantor Ivan Lins Mateus 8:10 10 Ao ouvir isso, Jesus admirou-se e disse aos que o seguiam: “Digo-lhes a verdade: Não encontrei em Israel ninguém com tamanha fé.” Um centurião romano provoca surpresa em Jesus pela fé amorosa. Romanos 5:10 “Ora, se quando éramos inimigos de Deus fomos reconciliados com Ele mediante a morte de seu Filho, quanto mais no presente, havendo sido feitos amigos de Deus, seremos salvos por sua vida.” Carta do apóstolo Paulo aos cristãos na cidade de Roma por volta de 58 d.C.. descreve a vida no Espírito, que é dada pela fé aos que crêem em Cristo.