Produtos de marca

share on:

26/10/2017 – FIQUE POR DENTRO

Você já percebeu quantos produtos você conhece pela marca e não pelo produto em si?

Isso acontece devido a vários fatores: ser o primeiro no mercado, ser o único, ser o único a fazer propaganda, sua avó falar a marca por não saber o nome do produto e isso passar de geração em geração e muitos outros casos.

Confira algumas delas:

  • Bom Bril (esponja de lã de aço)
  • Chiclete (goma de mascar)
  • Band-Aid (curativos adesivos)
  • Gillette (lâmina de barbear)
  • Durex (fita adesiva)
  • Cotonetes (hastes flexíveis)

Fonte: Assuntos Criativos


Entrevista com o criador do site Marketing Moderno, Marcos Paulo da Costa. Ele fala sobre o marketing Confira:

 


Japão descobre caverna gigante na Lua

Cientistas da Agência Espacial do Japão descobriram uma enorme caverna na Lua, que poderia futuramente abrigar uma base para astronautas.

Dados retirados da sonda espacial de órbita lunar Selene confirmaram a existência de uma caverna. O local tem aproximadamente 50km de comprimento e 100 metros de largura. Cientistas acreditam que a cavidade se originou por uma atividade vulcânica ocorrida há cerca de 3,5 bilhões de anos.

A descoberta foi publicada na última quinta feira, em uma revista americana. O anúncio ocorreu após a revelação de um plano espacial ambicioso feita em junho pelo Japão, que pretende colocar um astronauta na Lua por volta de 2030.

Produto escasso

Integridade está escassa no mercado, mas é tema recorrente na Bíblia, particularmente no livro de Provérbios. Muitas passagens são dedicadas à sua importância, enfatizando suas virtudes e alertando para os desdobramentos de se agir sem ela.

A integridade serve de escudo. Seja no trabalho, no lar ou outro lugar, se você sempre fala a verdade, nunca terá que lembrar-se das mentiras ditas anteriormente. Se você se esforça por fazer o correto, jamais terá que fazer correções por ter feito intencionalmente o errado. “A retidão protege o homem íntegro, mas a impiedade derruba o pecador” (Provérbios 13.6).

A integridade pode curar. Vivemos num mundo de conduta antiética, por isso, é revigorante encontrar relacionamentos com pessoas determinadas a manter alto padrão de integridade. “O mensageiro ímpio cai em dificuldade, mas o enviado digno de confiança traz cura” (Provérbios 13.17).

A integridade merece respeito. Todos conhecemos pessoas que foram erroneamente punidas ou tratadas de forma injusta. A pessoa que mantém elevado padrão ético e moral é respeitada, pois na luta por fazer o certo, vamos conquistando a confiança daqueles com quem trabalhamos ou nos relacionamos mais de perto. “Não é bom castigar o inocente, nem açoitar quem merece ser honrado” (Provérbios 17.26).

A integridade enfrenta oposição. Ser íntegro não é fácil. Os que não compartilham dos mesmos valores podem apresentar forte oposição, especialmente quando o certo representa uma ameaça à conquista de seus objetivos tortuosos. Agir com integridade, frequentemente significa recusar atalhos convenientes ou o curso do interesse próprio. A longo prazo porém, as recompensas são incomparáveis, tanto pessoal quanto profissionalmente. “Os violentos odeiam os honestos e procuram matar o homem íntegro” (Provérbios 29.10).