share on:

23 de Setembro de 2020

Você já comemorou o Dia do Orgulho Pagão? Sim. O orgulho dos que estão livres ou lutando para libertar-se de compromissos ou influência da pessoa e obra de Deus através de Cristo Jesus. Sim, muitas delas são educadas e até simpáticas que podem dizem com todo orgulho: “-Sou pagão graças a Deus!” Consideram-se mais livres para seguir suas próprias leis, firmar seus próprios valores e defender seus interesses. Certamente precisam lutar com todas e quaisquer armas para encarar os obstáculos de conviver com os que existem e pensam diferente deles.

O pagãos tem sua própria religião. São seres humanos que precisam de respeito, cuidados como qualquer ser humano. Não os despreze, nem os maltrate. Certamente a convivência não é fácil para eles e para quem pensa diferente deles. Lembro a você que o Deus e Pai continua dando a eles o mesmo ar, chuva, sol, e vida, sim vida, como dá aos que se consideram cristãos. Essa atitude é bem diferente daqueles que em nome de Deus impedem o próximo de viver de modo diferente do seu. Sabemos e muitos sabem que na história sempre há o uso pagão dos propósitos divinos. Crimes, injustiças em nome de Deus Pai. Esse é o o tipo de cristianismo pagão. É como se alguém usasse um bisturi de médico para matar pessoas. O problema não está no bisturi, mas em quem o utiliza. Por isso hoje muitos acreditam que o problema está no evangelho e não na natureza humana corrompida.

Agora vamos conversar. Muitos pagãos utilizam suas crença para tornarem justas suas atitudes. Certamente incorrem no mesmo erro usando o paganismo como justificativa para o que desejam fazer. Por isso Deus comunica a cada ser humano a fazer sua escolha. Ele respeita a decisão aqui, agora e por toda a eternidade. Ele designou um dia6 para fechar a conta da história humana. Então cada um viverá a escolha que fez por toda a eternidade. O que lhe parece isso? Justo ou injusto?

Esta mensagem responde à pergunta: Como você encara o orgulho de ser pagão ou incrédulo?

Tarefa para Hoje: O discípulo de Jesus não impede que os outros vivam a escolha que fazem com a oferta divina, mas se dispões a sofrer pelo que crê.7Quando você não se considera pagão precisa refletir a mesma justiça divina para com os que não confiam em Deus pela fé de Cristo Jesus. Cuide para não perverter o evangelho com a injustiça pagã.


Notas

¹ 6 Atos 17:31-34 “..-Pois estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio do homem que designou. E deu provas disso a todos, ressuscitando-o dentre os mortos”. Quando ouviram sobre a ressurreição dos mortos, alguns deles zombaram, e outros disseram: “A esse respeito nós o ouviremos outra vez”. Com isso, Paulo retirou-se do meio deles. Alguns homens juntaram-se a ele e creram”

² 7 Romanos 14:21-23 É melhor não comer carne nem beber vinho, nem fazer qualquer outra coisa que leve seu irmão a cair. Assim, seja qual for o seu modo de crer a respeito destas coisas, que isso permaneça entre você e Deus. Feliz é o homem que não se condena naquilo que aprova. Mas aquele que tem dúvida é condenado se comer, porque não come com fé; e tudo o que não provém da fé é pecado.