share on:

13 de Agosto de 2019

O que você faz com mais frequência: reclama ou ora? Não estranhe se você se vê frequentemente reclamando. Você reclama de si, reclama de familiares, dos colegas de trabalho, do governo e até do tempo.

Reclamar é um modo humano de dizer que algo está doendo e que você está sofrendo. A reclamação é a percepção que se vive em um mundo onde a bondade e a maldade parecem conviver. Oportunidades e obstáculos interferem continuamente na existência humana. Que a vida e a morte desafiam a existência e projetos de cada ser humano. No entanto muitos fazem da reclamação uma modo de viver exigindo ajuda, apoio, socorro. No entanto a reclamação move pessoas por pouco tempo. Quando alguém faz da reclamação seu estilo de vida, dizendo que é realista, na verdade não aproveita as oportunidades que a vida oferece. Quem faz da reclamação um modo de encarar a vida tem álibi para não encarar as dificuldades.

A outra possibilidade, além de reclamar é orar. E facilmente você conclui que apenas falar com Deus lhe parece muito pouco diante de suas grandes necessidades. Frequentemente você pode conhecer a oração apenas como “o falar com Deus” como se Ele fosse algum tipo de psicólogo ou serviço de atendimento ao consumidor.

Quando você reclama, você espera e exige ajuda apenas humana. Quando você ora abre-se para perceber Deus agindo não apenas nas circunstâncias, nos outros, mas em você. Quando você se aproxima de Deus Pai, pela fé de Cristo Jesus crendo que Ele existe e que responde aos que se orientam por Ele, então a oração torna-se mais um canal da manifestação divina na sua vida. A oração é pensar juntamente com Deus Pai em novos caminhos de justiça para encarar os desafios que o mal produz na existência humana.

Não faça de sua oração somente um momento de reclamação, mas permita que esse tempo servia para você avaliar com Deus a crise em que vive e buscar com Ele uma direção para agir. A oração indica também a hora de ação, o momento de agir com Deus, para Deus. Aprenda com Cristo Jesus!


Aplicação para sua vida: O que faz diferente a reclamação da oração?

Esta mensagem responde a pergunta: Para cada reclamação que tem procure também uma razão para apresentar questão a Deus Pai e buscar dEle o conselho e direção para a prática, para a vida.


Jeremias 33:3 “Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.” : Profeta no Antigo Testamento por mais de 40 anos (626ª.C.) testemunhou longamente contra a idolatria do povo de Israel corrompendo-se profundamente anos antes da destruição de Judá pela Babilônia.
Hebreus 11:6 “Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.” Esta carta exorta os novos cristãos judeus a não observarem mais rituais e cerimônias tradicionais, pois, em Cristo, eles já foram cumpridos. Pouco antes do no ano 70 d.C. quando Templo em Jerusalém foi destruído pelos romanos.