share on:

06 de Novembro de 2019

Como você celebrou o feriado de finados? Será que ainda lembra? Você participa daquele grupo de não tem mais necessidade de visitar túmulos ou ainda tira um tempo para lembrar seus queridos mortos? Não se deixe dominar pela culpa se não se lembrar, a vida é assim, ela nos absorve, nos ocupa em todos os nossos sentidos e momentos. A vida é mesmo maravilhosa.

Agora diga-me: De quem você se lembra mais? De quem lhe foi querido ou de quem muito lhe prejudicou e que morreu hoje está morto? Será que você já chegou naquele ponto de lamentar a morte de quem lhe causou grandes tristezas? Pode ser que agora você chega a pensare que aquela pessoa, afinal “não era tão má assim…” Parece que a distância no tempo, criada pela morte, apaga de sua memória as profundas dores causadas e sofridas.

Quem morreu saiu dessa vida, perde contato com você, comigo, com quem quer que seja. Não pode mais mudar situação alguma, mas você sim, enquanto tem vida pode operar mudanças. Quando você pensa com certo alívio na morte daquela pessoa que lhe trouxe tantos problemas, cuja relação foi tão difícil, tão penosa, tão conturbada, está na verdade, confirmando que não tinha, naquela época, disposição em aprender com a vida. Lembre-se é a vida que leva você a aprender, a mudar. A vida não é fácil justamente porque desafia, e revela quem você é diante do erro de outros e das próprias limitações.

A vida tem uma fonte divina. O Deus criador é a fonte da vida, dessas oportunidades de mudar, descobrir, aprender. Considere então que vida eterna é conhecer ao Deus Criador, eterno, o único Deus e a Jesus a quem Ele enviou. Esta é a razão porque, Jesus ressuscitou e rompeu as correntes da morte. Ele é o Senhor da Vida. Nele há a promessa de que a morte um dia morrerá. Conhecer a Cristo Jesus é mais que meramente ir à igreja ou ler a bíblia, mas viver, gradativamente a realidade divina na existência humana, aqui e agora. Ele, a fonte da vida.

Esta mensagem responde á pergunta: Já lhe aconteceu de achar que o falecido que lhe deu tanto desgosto a final não era tão ruim?

Tarefa para hoje: Atente para sua vida com cada desafio para aprender a relacionar-se com o próximo segundo o conselho de Cristo Jesus.

1 João 17:3 Este evangelho escrito entre 80-90 dC pelo apóstolo João no estilo é reflexivo e cheio de imagens e figuras organiza sua mensagem enfocando sete sinais que apontam para Jesus como Filho de Deus. 2 João 11:25Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; ” Ibidem