share on:

23 de Maio de 2019

Você já parou para considerar a mortalidade de jovens no Brasil? A morte por violência, na América latina coloca o Brasil em quinto lugar depois da Venezuela, Colômbia, Salvador, Honduras.

Em 1932 quatro jovens, estudantes se manifestavam contra a ditadura de Getúlio Vargas. A morte deles foi o estopim de uma revolta paulista contra o governo e a favor de uma constituição. As iniciais dos nomes dos quatro estudantes, Martins, Miragaia, Dráuzio e Camargo – MMDC, passaram a ser o símbolo da revolta de São Paulo que acontece em 9 de julho daquele ano. Esses quatro entraram para a história como a Juventude Constitucionalista.

Quantos jovens, hoje lutam por causas nobres a ponto de colocar sua vida em risco? Quantos, por não ter uma razão profunda para viver afundam na dependência química, na marginalidade! A falta de uma razão digna para viver ceifa a vida de tantos jovens.

Entre o nome de tantos jovens que na história deram a vida pelo que acreditavam Três jovens são bem conhecidos. Eles decidiram não abrir mão de suas convicções espirituais. Sua adoração era somente ao Deus, não de seus pais, mas o seu próprio Deus. Assim encararam o martírio quando se negaram a prestar culto ao ídolo do rei. Então responderam: “Eis que o nosso Deus, a quem nós servimos, é que nos pode livrar; ele nos livrará da fornalha de fogo ardente, e da tua mão, ó rei. E, se não, fica sabendo ó rei, que não serviremos a teus deuses nem adoraremos a estátua de ouro que levantaste.“ Ao serem lançados na fornalha de morte, foram salvos ilesos.

Muitos jovens, homens e mulheres enfrentaram a morte e morreram pelas suas convicções cristãs. E eu lhe pergunto: Por quais de suas convicções você tem disposição de colocar em risco sua própria vida?. São suas convicções que são provadas constantemente. As crenças pode-se até mudar, mas convicções são as certezas profundas. O seu caráter é a expressão de suas convicções. Sem elas sua personalidade não se firma. Verifique a base de suas convicções e perceberá suas reais prioridades para a vida.


Esta mensagem responde á pergunta: As convicções revelam o caráter dos sacrifícios?

Aplicação para a sua vida: Verifique o quanto você está pronto a arriscar sua vida pelo que acredita, por suas convicções.


https://nacoesunidas.org/brasil-tem-7a-maior-taxa-de-homicidios-de-jovens-de-todo-o-mundo-aponta-unicef/
Daniel 3:17,18 Daniel se manteve fiel a Deus, mesmo enfrentando muitas pressões quando cativo na Babilônia. Este livro inclui as visões proféticas de Daniel por volta do ano 537 a.C.