share on:

25 de Julho de 2019

Se você perguntar a um especialista qual é o fruto da depressão ele vai lhe dizer: tensão, desordem, timidez, irritação, insônia, dor de cabeça. Se você perguntar qual é o fruto da rebelião íntima, ele poderá lhe dizer que é desinteresse, violência, perda de peso, ansiedade, irreverência. Agora se você desejar saber qual é o fruto que o Espírito de Deus produz no íntimo de uma pessoa o que espera ouvir ? Fanatismo religioso ? Amor à doutrina ? Um vestuário fora da moda?

Deus em Sua Palavra , a Bíblia nos informa que “… o fruto do Espírito é: o amor, o alegria, a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade. a mansidão, o domínio próprio; contra estas coisas não há lei.

O fruto do Espírito em nosso íntimo é composto de amor, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Quando você é cheio do Espirito Santo é um fruto desse tipo que precisa se revelar. Por isso Jesus disse que é pelo fruto que se conhece a condição espiritual de alguém. Alguém pode achar que precisa de mais paciência ou mais amor. Não há como separar um do outro e buscarmos apenas o que achamos necessário. O Espirito de Deus produz um fruto com todos esses componentes.

Quem experimenta do arrependimento para com Deus e deposita a fé em Cristo Jesus é porque recebeu o Espirito Santo de Deus. Então Cristo Jesus estabelece as regras de conduta para quem recebeu o Espirito Santo de Deus. Os registros da nova aliança do ser humano com Deus, pela fé de Cristo Jesus são para aqueles que vivem essa aliança. Os conselhos, as correções, as exortações não servem para qualquer pessoa mas somente para aqueles que andam com Deus guiados pelo Espirito de Cristo Jesus, o Espirito Santo.

Sem a intimidade com Deus, dada pelo seu Espirito o Ser humano, ainda que pecador, não tem condições de viver as orientações bíblicas. Confessar o pecado, perdoar, arrepender-se, abandonar a inveja e tantas outras virtudes são impossíveis sem que o espirito santo de Deus tenha participação.

O fruto da presença divina na sua vida não é medida pela sua participação religiosa mas pela presença crescente do Espirito Santo de Deus no seu íntimo.


Esta mensagem responde á pergunta: Você sabe reconhecer o fruto do Espirito Santo de Deus na sua vida?

Aplicação para a sua vida: É a intimidade com Deus pela fé de Jesus que produz esse fruto tão rico em virtudes divinas.


Galatas 5:22-23 Instruções do apóstolo Paulo aos cristãos da Galacia que desejavam buscar o favor de Deus retornando aos costumes judaicos, escrito entre 48-58 d.C.