share on:

22 de Abril de 2019

Ouvi um barulho na rua. Era o vizinho procurando alcançar com um longo bambu, as bonitas goiabas no seu terreno. Mas elas estão muito altas. Ele tem dificuldade para alcançá-las. Mas a casa ao lado é um escritório e tem um terraço. Os funcionários só passeiam pelo terraço e colhem tranquilamente as goiabas que crescem nos galhos que avançaram sobre a varanda. O que está no seu terreno e avançou sobre a casa vizinha também dá frutos lá. O que ele fez um dia, agora não pode ser escondido. Uma árvore, para ser árvore cresce, torna-se visível tanto quanto um castelo construído sobre um monte.

Os reais benefícios da terra não servem somente a mim, ou minha família. Quando disponíveis para outros tornam a vida neste planeta mais harmônica. A terra pode ser um símbolo da graça pois dá condições para todos que vivem sobre ela, seja quem for. Essa é uma das realidades, quanto aos frutos da terra que não ficam escondidos. Tornam-se visíveis, acessíveis, disponíveis. Sem dúvida a distribuição proporcional ao que trabalhou, plantou, investiu, mas também aos que tem a necessidade atendida. Certos frutos atestam a qualidade da terra e da arvore, do fruto.

Jesus destacou que a real intimidade com Deus não fica escondida. É como uma arvore que cresceu e deu frutos, ou como um castelo construído sobre um monte. A vida com Deus torna-se visível não por causa das expressões públicas de culto, da doutrina divulgada pelos meios de comunicação, mas pelos frutos que abençoam outros como a goiabeira do meu vizinho.

A goiabeira não se esforça para produzir goiaba porque essa é a sua natureza. Quem recebeu a maravilhosa noticia do evangelho e teve os olhos abertos para o Reino de Deus isso se mostra em sua vida. Como Jesus disse: torna-se “sal na terra” e “luz no mundo”. Se permanecer como discípulo aplicado de Jesus sua luz será visível. Você não precisará mostra-la pois todos que andam ou vivem na escuridão perceberão. Você não fará “força” para isso. É consequência natural.

Sua vida com Deus produz frutos para o seu vizinho e se espalha pela terra.


Esta mensagem responde á pergunta: Sua intimidade com Deus produz frutos para os outros?
Aplicação para a sua vida: A intimidade com Deus pela fé de Cristo Jesus produz frutos não somente para você mas para os que estão á sua volta. Isso é consequência natural e não produzido por seus esforços religiosos ou sociais.


Mateus 5:13-16 “Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.