share on:

10 de Setembro de 2019

Enquanto o ser humano está descansado, bem alimentado, protegido consegue ser educado. Assim que essas condições são alteradas revela-se o que está no coração humano. Não são as dificuldades que tornam o ser humano rebelde, amargurado, infiel. Esta é a condição normal do ser humano. Ela só não é visível porque a educação humana ensina a esconder tudo isso quando se vive em condições ideais.

Por isso fica-se com a impressão de que somente algumas pessoas são más, mas que todas as outras são boas. Acha-se que o ser humano é bom e que são as dificuldades da vida que o tornam mau. Esta não é a verdade. Jesus revelou que o ser humano é basicamente mau, diante de Deus, mas tem a capacidade de praticar boas ações.7 Quando você se orienta pelas revelações de Cristo Jesus não se decepciona facilmente quando alguém calunia, mente e lhe persegue. Esta é a condição o verdadeiro coração humano.

Um profeta quando se viu diante de Deus disse: “Ai de mim, não tenho salvação! Porquanto sou um homem de lábios impuros e vivo no meio de um povo de lábios impuros; e os meus olhos contemplaram o Rei, o SENHOR dos Exércitos! ”8 Um pescador, diante de um milagre de Jesus prostrou-se aos seus pés e confessou: “Senhor, ausenta-te de mim, porque sou um homem pecador.”9

Você nota que tanto um como o outro reconheceram e lamentaram o estado do seu coração reconhecendo que sua boca revelava o estado pecaminoso do coração. Os lábios do profeta foram purificados e a vida do pescador ganhou nova direção como discípulo de Jesus.

Note como você reage quando está alegre, feliz. Mesmo diante de pequenos problemas você procura transmitir alegria e esperança. Sim, o seu coração está contagiado por alguma grande esperança. Mas quando encontra-se em grande frustração, nem o dia mais bonito altera o seu interior.
Você precisa compreender a si e aos outros através das revelações de Cristo Jesus. Então sim conhecerá uma nova estabilidade para sua mente e coração diante dos desafios de sua vida.


Esta mensagem responde à pergunta: Como você explica suas explosões de raiva em que fala o que depois resulta em arrependimento?

Aplicação para a sua vida: Preste atenção ao seu estado de ânimo quando falar para não se arrepender depois.


7 Mateus 7:11 “Se vós, pois, que sois maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celeste dará boas coisas aos que lhe pedirem.” Os fundadores da Igreja declaram que o Evangelho de Marcos foi escrito depois da morte de Pedro, que aconteceu durante as perseguições do Imperador Nero. A maior parte das evidências sustenta uma data entre 65 e 70 dC.
8 Isaias 6:5 O profeta Isaías, (teria vivido entre 765 AC e 681 a.C), cujo nome significa “Jeová salva” ou “Jeová é salvação” exerceu o seu ministério no reino de Judá durante os reinados de Uzias, Jotão, Acaz e Ezequias mencionados no Antigo Testamento
9 Lucas 5:8-9 Escrito por Lucas, um médico por volta de 59—75 dC mostra como Jesus estava em contato com as pessoas pobres, com os necessitados e com os que são desprezados pela sociedade.