share on:

07 de Janeiro de 2020

É trágico o que o ciumento é capaz de fazer em nome do amor, não é? O ciúme deixou de ser uma expressão de entrega, de cuidado pelo outro, para transformar-se em um instrumento de dominação, de medo e terror. Agora você encontra, registrado na bíblia, que Deus tem ciúme, tem zelo.6 Como Deus Pai age com quem que cultiva o adultério espiritual? Sim, aquele que não reconhece a Deus como único Deus e a Jesus a quem Ele enviou?7 Em toda narrativa bíblica Deus firma aliança com o povo que formou. Ele reconhece a infidelidade na devoção humana. Sim permitiu que o povo colhesse consequências da própria infidelidade, mas nunca deixou o povo entregue a si mesmo. Preservou um pequeno contingente.

Note que Deus continua dando sol e chuva tanto para os que lhe são fieis como para os que lhe são infiéis. Isso é liberdade de culto. Ele continua dando oportunidades a cada pessoa porque não tem prazer na morte, na destruição de quem o recusa.8 Regimes totalitários matam todo e qualquer que lhe faz oposição. Deus Pai, pelo contrário continua dando oportunidade aqueles que até blasfemam contra Ele. Que lhe parece? Quantos, nesse exato momento fazem piadas do Evangelho de Cristo Jesus e ridicularizam a própria pessoa de Cristo e não cai sobre a cabeça deles qualquer raio ou maldição. Será que Deus não vê, não sabe, não percebe ou é incapaz de tomar providências radicais?

Não são poucos que em nome de Deus tomam nas mãos a justiça divina. A justiça divina nas mãos de pecadores só traz injustiça, ainda que se proclamem religiosos. Por isso Ele diz: “Minha é a vingança, eu retribuirei.9 Se você, com o seu ciúme quer controlar alguém, em nome de um amor que na verdade é somente sede de poder precisa reconhecer o seu engano. Você precisa abandonar esse álibi de amor que é falso. Não use o amor para querer o lugar de Deus na vida de quem quer que seja. Você é apenas um pecador que precisa desesperadamente da gloriosa manifestação divina em amor no seu íntimo. Isso é conversão cristã. Você quer?

Esta mensagem responde á pergunta: Como encarar o fato de que Deus tem ciúme?

Tarefa para hoje: Reconheça que quando seu ciúme quer dar a você poder sobre o outro, não é amor, mas dominação, você usurpa o lugar divino.

6 Tiago 4:4,5 Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. Ou cuidais vós que em vão diz a Escritura: O Espírito que em nós habita tem ciúmes? 7 João 17:3 8 Ezequiel 33:11 “Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel?” 9 Romanos 12: 19-20 “Amados, jamais procurai vingar-vos a vós mesmos, mas entregai a ira a Deus, pois está escrito: “Minha é a vingança! Eu retribuirei”, declarou o Senhor. Ao contrário: “Se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porquanto agindo assim amontoarás brasas vivas sobre a cabeça dele.”