share on:

22 de Fevereiro de 2019

Vi no trem um rapaz, sua namorada e a amiga. Ele conversava animadamente com a amiga de um lado. Do outro, a namorada estava abraça a ele silenciosamente ouvindo a conversa. O que me chamou a atenção durante a viagem de trem é que o namorado conversou mais com a amiga do que com a namorada. Repentinamente percebi que a namorada ele abraçava e fazia carinhos, mas era com a amiga que ele trocava ideias, impressões. A namorada não se importava em partilhar os próprios pensamentos na conversa do namorado e da amiga. Ela parecia contentava-se com a proximidade física. Agora faço a você a pergunta que me surgiu daquela observação: Com qual das duas moças aquele rapaz teria maior possibilidade de um relacionamento profundo, duradouro? Com quem ele conversava ou com quem ele acariciava.

Quantos relacionamentos fragmentados você conhece? Você identifica á sua volta relacionamentos que não são integrais, são fragmentados, partidos, divididos. Essa realidade revela a facilidade com que o ser humano utiliza pessoas, como utiliza objetos. Usa por um pouco de tempo e depois descarta. Alguns utilizados para o prazer físico e outro para dividir os pensamentos, planos, sonhos. Essa divisão estabelece uma esquizofrenia existencial, afetiva, que destrói, vulgariza o ser humano envolvido tirando-lhe o real valor. E assim você, eu, cada um de nós corre o risco de deixar de ser humano se não prestar atenção.

Nos negócios empresariais é necessário diversificar a linha de produtos, serviços e assim aumentar a perenidade da empresa ou do seu produto. Agora no relacionamento humano a estratégia é oposta. Concentrar em uma pessoa os elementos necessários para caracterizar um relacionamento especial. Esposo e esposa, pais e filhos são relacionamentos onde você precisa concentrar muito do que você é em cada um. Deus Pai, em toda a história com o ser humano revela a diferença nos diversos relacionamentos que temos na vida. Amigos, conhecidos, parentes, inimigos, pais, filhos e, cônjuges. Quando essas orientações são ignoradas, ridicularizadas o ser humano torna-se apenas um objeto de consumo e não um espírito vivente.

Você desenvolve intimidade de pensamentos e valores e afetos dignamente com cada um dos relacionamentos que desenvolve ou inverte? Caminhar com Deus pela fé de Cristo Jesus é reorganizar seus afetos para com cada um dos que estão á sua volta. Até mesmo com os inimigos.


Aplicação

Esta mensagem responde á pergunta: Você tem definido para si os limites para expressar devidamente seus afetos e atenção com as pessoas á sua volta?


Levítico 18:7-17 Descrição e orientação divina quanto a expressão sexual nos relacionamentos familiares. O nome do livro se deriva do nome de uma das doze tribos de Israel. O livro registra todas as leis e regulamentos a respeito de rituais e cerimônias e o convívio social.
Mateus 5: “…43 Ouvistes o que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo’. 44 Eu, porém, vos digo: Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem; 45 para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus, pois que Ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos. …“ Os fundadores da Igreja declaram que o Evangelho de Marcos foi escrito depois da morte de Pedro, que aconteceu durante as perseguições do Imperador Nero. A maior parte das evidências sustenta uma data entre 65 e 70 d.C.