share on:

13 de Abril de 2019

Eu já vi pessoas beijando seu bilhete de loteria, o extrato bancário da sua conta poupança e até o resultado dos exames médicos. Mas quando li este trecho, imaginei uma pessoa beijando a pedra que fica no próprio túmulo indicando o ano do nascimento e da morte. Fiquei chocado!
Li na Bíblia o seguinte pensamento: “Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é lucro”. A imagem que veio à minha mente, foi de alguém beijando sua própria lápide.

Há quem fuja desse choque criticando o apóstolo Paulo por dizer isso. No entanto não podemos criticar os milhares de cristãos que viveram essa realidade sendo crucificados ou jogados aos leões juntamente com mulher e filhos desde o primeiro século até hoje. Para eles o viver era Cristo e o morrer era lucro mesmo.

Nesse tempo de extremismos e escândalos religiosos, é preciso avaliar o conteúdo da fé e não apenas a aparência. O amor, a honestidade, a santidade e justiça do cristão refletem a fé em Jesus Cristo na vida cotidiana. O comer, o beber ou quaisquer outras atividades comuns são feitas segundo o caráter divino.

Como? Você ainda não é perfeito? Ainda não chegou a esse ponto de considerar tudo que faz para Cristo? Faça como o grande apóstolo Paulo no final da vida. Como ele Cristo estará esperando por você. Ele diz: “Não que eu já tenha obtido tudo isso ou me tornado perfeito, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus. Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus”.

Sua motivação está em honrar Cristo em tudo que faz com amor de Deus? Se essa for a sua base de ética moral e religiosa, você glorificará a Deus e a morte ainda se tornará lucro! Já pensou?


Esta mensagem responde á pergunta: Por qual razão o cristão encara a morte de modo diferente a quem não tem a esperança divina da ressurreição?
Aplicação para a sua vida: Você precisa compreender mais profundamente o significado da existência aqui pela fé de Cristo Jesus. Assim você viverá de modo bem diferente diante da morte que nos ronda diariamente!


Filipenses 1:21 Carta do apóstolo Paulo aos cristãos da cidade de Filipos quando estava preso por volta de 62 d.C. demonstra que há alegria e não orgulho na existência humana diante do que Cristo na vida do crente.
Filipenses 3.12-14 Ibidem