share on:

28 de Agosto de 2020

“Peço a Deus que dê vida aos meus inimigos para que assistam minha vitória em pé” Você já leu essa oração em algum para-choque de caminhão ou mesmo dita por alguém? Ou será que é uma oração secreta no seu coração?

Ao comparar essa breve oração com a Oração do Pai Nosso24 é preciso avaliar onde ela se encaixa nas 11 perspectivas que Jesus deu a seus discípulos quando lhe pediram que os ensinasse a orar.

Jesus ensina chamar Deus de Pai e não de vingador. Pai nosso, isto é meu, seu e de nossos inimigos. O nome de Deus é santo e não é possível compactuar em o objetivo de esfregar no rosto do meu inimigo alguma vitória ou benção que recebi de Deus Pai. Pedimos que o seu reino de justiça e santidade venha onde a vitória é de Deus e não minha ou sua. A vontade de Deus ser feita aqui na terra como é feita no céu implica na aplicação da misericórdia, santidade e obediência em amor como Jesus fez quando estava na cruz. A ressurreição de Cristo não foi esfregada no rosto do inimigo, pelo contrário foi apresentada a Deus como a justificação sua, minha, nossa. Dos que se voltam para o Pai.

Pedimos o nosso, pão, o meu, o seu, o do inimigo para alimento necessário e graciosamente pois não o merecemos. O perdão que nós desejamos receber de Deus Pai é exatamente similar ao que você, eu, damos ao inimigo, aos que nos feriram. Diante desse quadro é preciso resistir a tentação de retribuir o mal com o mal da arrogância. Afinal o reino é de Deus e não o nosso. O poder é dEle e não nosso e a glória final não é nem minha, nem sua, nem do inimigo mas a glória pertence a Deus.

Diante dessa perspectiva da Oração do Pai Nosso como é possível pedir a Deus que “… dê saúde aos nossos inimigos25 para que assistam nossa vitória em pé”, mesmo acrescentando “… em nome de Jesus?” Preste atenção para não anular sua própria oração diante de Deus Pai em Cristo Jesus.

Esta mensagem responde à pergunta: Você já pediu a Deus que dê saúde aso seus inimigos para que eles assistam sua vitória em pés?

Tarefa para Hoje: Preste atenção, sua oração revela mais do que você pensa a respeito de si, do próximo e de Deus Pai. Compare com a Oração do Pai Nosso e faça as devidas correções.


Notas

¹ 24 Mateus 6:9-13 Oração do Pai Nosso

² 25 Mateus 5:43-45 “Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo. Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus; Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.”