share on:

27 de Abril de 2019

Você já percebeu que sua fidelidade é retribuída com adultério, que sua
bondade é recompensada com abuso, e sua justiça é paga com mentira. E tem mais, você surpreende-se sendo infiel, mentindo e agindo com
injustiça. É ou não é? Diante desse quadro do caráter humano, mais as tragédias naturais todos concordam que a vida não é justa!

Jesus fez a seguinte revelação: Neste mundo vocês sofrerão aflições, mas tenham uma esperança e certeza: Eu venci este mundo. Outra vez o recado divino diz que há uma ordem, chamada de “mundo” que está contaminada pelo maligno.

Quando você passa por profundas dificuldades o que de fato está no seu íntimo acaba aparecendo. Então você vai a Deus em busca de poder e você sabe o que ele já respondeu a um famoso homem de fé cristã? Ele disse: A minha graça é suficiente para você (e não o poder). O meu poder se aperfeiçoa quando o ser humano se sente fraco, incapaz. E quando você clama a Ele no momento de tentação A resposta é: Deus é fiel e não permitirá que você tentado acima de suas forças. Juntamente com a tentação lhe dará o escape. O poder de Deus se revela justamente quando você passa pelas dificuldades dependendo dEle, recorrendo à Ele. E aquele que é reconciliado com Deus pela fé de Cristo Jesus sabe que não sofre tentação acima do que um ser humano é capaz de suportar. Pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que apossais suportar.

A vida não é justa, mas tenha bom ânimo confiando em mim, Jesus diz, andando Comigo você não é derrotado, destruído por tudo isso. A mensagem do evangelho, declara o que Deus fez para promover uma
tal reconciliação com o pecador que nada, ninguém poderá tirar de Suas santas mãos o que Ele tomou para si. Você entende agora por que lhe anunciamos Jesus Cristo? É para que você, sua existência nessa vida
injusta, brilhe da esperança divina. Essa esperança eterna é colocada pelo próprio Deus no coração dos que se voltam para Cristo Jesus. É dele Cristo que você precisa.


Esta mensagem responde á pergunta: O que essa vida injusta revela de você?
Aplicação para a sua vida: Considere a justiça divina para com você com fonte para sua motivação e para sua existência.


João 16:33 “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.”
Este evangelho escrito entre 80-90 dC pelo apóstolo João no estilo é reflexivo e cheio de imagens e figuras organiza sua mensagem enfocando sete sinais que apontam para Jesus como Filho de Deus.
2 Coríntios 12:9 E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.” Segunda carta do apóstolo Paulo aos cristãos na cidade grega de Corinto no outono de 55,56 ou 57 depois de Cristo defendendo sua autoridade apostólica e apontando os falsos apóstolos na igreja daquela cidade.
1 Coríntios 10:13 “Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar.” Entre 55 a 57/ o Apóstolo Paulo dC responde a 10 questões enviadas pelos cristãos na cidade de Corinto: espírito sectário, incesto, processos, fornicação, casamento e divórcio, ingestão de alimentos oferecidos a ídolos, uso do véu, a Ceia do Senhor, dons espirituais e a ressurreição do corpo.