share on:

Contentamento. Nosso coração não é arrogante, Senhor, nossos olhos não são altivos, não nos ocupamos com coisas grandiosas ou maravilhosas demais para nós. Mas nos acalmamos e aquietamos, somos como uma criança desmamada com sua mãe, estamos satisfeitos como uma criança que acabou de mamar. Depositamos nossa esperança em ti, Senhor, agora e para sempre (Salmo 131.1-3).