share on:

Chamados à Vitória corra bem… termine bem

Amado Deus, obrigado por me permitires sentir medo. O medo me lembra de que preciso depender constantemente de ti. Confio em ti com toda a minha vida. Por isso não temo nada nem ninguém. Louvo-te pela tua infalível Palavra para mim (Salmo 56.3-4).