Turma de missionários encerra trabalho de 4 anos na Ásia

share on:

A primeira turma do programa Radical Ásia está próxima de retornar para casa e os últimos dias no campo têm sido de agradecimento. Samuel Pimentel, um dos missionários, conta um pouco sobre o tempo em campo durante 4 anos.

Ele diz que o trabalho no campo transcultural não é fácil, ainda mais em realidade sensível ao Evangelho, onde existe perseguição. Contudo, isso proporcionou um crescimento enorme da dependência do Senhor. No início deste ano, alguns missionários fizeram o compromisso de orar por 4 rapazes que estavam tentando alcançar. Naquele momento, nada do que faziam parecia surtir efeito. Um deles já era cristão, mas os outros não. Após meses de acompanhamento, eles se firmaram na igreja e batizar alguns deles é um fechamento de ministério muito especial para os missionários. Samuel conclui dizendo que não podemos duvidar do que Deus pode fazer quando nos dedicamos a orar e esperar Nele. A obra é Dele, e somos apenas cooperadores nessa grande e bela missão.