Cinco décadas de missão e Evangelho sem fronteiras

share on:

Muita coisa mudou nas últimas cinco décadas. Em 1970, a população brasileira, por exemplo, era formada por 93 milhões de pessoas (bem distante das 211 milhões da atualidade, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O número de evangélicos saltou de 5,2% para 31% dos brasileiros, de acordo com pesquisa Datafolha. Novas tecnologias também surgiram. Os antigos rádios deram lugar a modernos aparelhos que, por sua vez, foram incorporados aos telefones celulares. Ao completar 50 anos, a Rádio Trans Mundial reafirma a sua identidade como missão por meio de diferentes projetos que levam o Evangelho às pessoas sem levar em conta as fronteiras.

     “Criança Feliz”, apresentado por Marli Spieker, foi a primeira produção em língua portuguesa gravada no Brasil e marcou época na história da RTM. Outra atração que marcou época é o “Através da Bíblia”, programa há mais tempo em veiculação pela rádio. O pastor Davi Nunes foi quem fez a tradução do “Thru the Bible” (originalmente apresentado pelo reverendo Dr. J. Vernon McGee) do inglês para português e apresentou até 2006 quando deu lugar ao pastor Itamir Neves, atual apresentador.

Davi Nunes e Itamir Neves em gravação do “Através da Bíblia” – Arquivo / RTM

      Nesta linha de estudo bíblico, outros programas se destacaram como o “Rota 66” (com a apresentação do professor Luiz Sayão) e “Entendendo a Bíblia” (com Itamir), reforçando a identidade da rádio com esta temática. Esta particularidade ajudou a render frutos pelo Brasil. “Sabemos de igrejas que foram plantadas pelo interior do nosso país a partir da programação da Trans Mundial”, comentou o diretor de Comunicação e Relações Públicas, Ricardo Kroskinsque.

Das ondas curtas à internet

      Pelas ondas curtas, irradiadas no início por Bonaire e depois pelo parque de transmissão de Santa Maria (RS), a RTM alcançou diferentes partes do Brasil. Com a desativação dos transmissores, em meados de 2018, a RTM continuou a ser retransmitida por 22 emissoras parceiras, em 17 estados brasileiros, mas a internet tornou-se a principal ferramenta para o avanço da missão.

      A participação dos ouvintes é um retrato disso. Seja de uma comunidade ribeirinha no Amazonas a alguma cidade da França ou do Japão, sempre chegam mensagens de carinho de ouvintes que registram estar na sintonia da RTM. Além da facilidade de ouvir pelo site e pelo aplicativo, os podcasts entraram para somar a presença da Trans Mundial nas plataformas. Títulos diversos e para todas as idades e todos os públicos como, por exemplo, “Na Contramão” (público jovem), “Família Hoje” (temas cotidianos de famílias) e “Presente Diário” (devocional da RTM) são alguns dos programas disponíveis em agregadores.

Trans Mundial está com podcasts nas plataformas digitais – Eliakim Rodrigues / RTM

Ministérios

     Por falar em Presente Diário, o devocional, que começou em 1997 cresceu e tornou-se ministério. “Além de ser uma referência nacional em devocionais, o Presente Diário é uma ferramenta multiplataforma da RTM porque entendemos que, como ministério, devemos trabalhá-lo de modo a alcançar muitas vidas. Para isso, temos ele impresso, no site, em áudio, em aplicativo e agora em podcast. Desta forma, nós ampliamos bastante o alcance e as possibilidades do PD abençoar e edificar vidas”, acrescentou Kroskinsque.

      Com outros ministérios, a RTM chega a presídios, comunidades indígenas e trabalha com famílias por meio de mulheres e homens. Solange Mendes é a responsável pelos Cursos Bíblicos para Presidiários, um projeto que a missão desenvolve desde o final da década de 90, e atende, em média, 340 detentos por mês. “O trabalho com os presidiários é muito importante. O que os presos dizem nas cartas é que realmente a vida deles tem sido transformada. Isso nos anima muito porque temos visto que o trabalho não é em vão e tem impactado também as famílias dos detentos”, disse.

     Susie Pek, coordenadora do Ministério Mulheres de Esperança no Brasil e na América Latina, explica alguns dos desafios deste trabalho. “No caso do Mulheres de Esperança o desafio é também uma oportunidade: a diversidade de público. Nós temos públicos de várias idades, culturas e aspectos. Quando estamos fazendo o programa de rádio, por exemplo, devemos levar uma palavra que seja a mais abrangente possível porque queremos tanto que a mulher na comunidade ribeirinha receba a mensagem para o dia a dia dela quanto a executiva de uma grande cidade, que está lidando com milhões de coisas. Um aspecto interessante nesta caminhada é a receptividade do conteúdo pelas pessoas”, explicou.

     Outro trabalho de destaque está na região Norte do Brasil. Projetos em línguas indígenas são desenvolvidos pela RTM desde 1980 em parceria com missionários na região amazônica da época. Entre as línguas com conteúdo produzido estão Baníua, Macuxi, Ticuna e Waiãpi.

Ticunas são atendidos pelos projetos de línguas indígenas – Paula Ferreira / RTM

     Já em 2019, dois projetos missionários internacionais tiveram início com apoio da RTM: Missão Portugal e Missão Itália. Os casais Rubinho e Joyce Pirola e Paula Ferreira e Walter Fernandes trabalham no desenvolvimento dos departamentos e ministérios das rádios parceiras da Trans World Radio (TWR) nestes países, além de auxiliar na plantação de igrejas e na criação de ferramentas que auxiliem na formação de novas lideranças cristãs.

Novidades

    Até aqui nos ajudou o Senhor. A mensagem de 1 Samuel 7:12 representa muito em relação à história da RTM. É perceptível a ação dele em toda a nossa caminhada. Como missão, trabalhamos para continuar a levar o Evangelho a diferentes lugares e em diferentes circunstâncias. Muitas oportunidades surgem para que este projeto prossiga. Uma delas é o trabalho com ouvintes a partir de cursos bíblicos. A partir de uma plataforma no site da Trans Mundial, as pessoas que acompanham a rádio e nossos projetos terão a chance de fazer os módulos desenvolvidos pela equipe de Cursos Bíblicos. A vida de Jesus segundo o Evangelho de Mateus é a primeira temática a ser disponibilizada. O curso será gratuito e tem previsão de lançamento em 5 de março.

     A chegada ao mercado dos livros digitais é outra forma de ampliar as chances e universos para novos públicos. Em parceria com a plataforma The Pilgrim, alguns títulos com selo RTM serão comercializados em formato ePUB nas modalidades compra avulsa ou por assinatura do serviço. Entre as obras que devem ser disponibilizadas estão Presente Diário, Espelho na Janela (volumes 1 e 2), entre outros.

Programação de 50 anos

     A grande celebração dos 50 anos da RTM será dia 3 de abril, às 19h30, no auditório Ruy Barbosa, na Universidade Presbiteriana Mackenzie. A noite será marcada por atrações musicais, apresentação teatral e uma homenagem às cinco décadas de atividades da missão no Brasil. O evento é gratuito e os interessados em participar devem confirmar presença por e-mail (eventos@transmundial.com.br) de forma antecipada. É necessário enviar o seu nome e das pessoas que quiserem acompanhar, se houver). Você pode conferir a nova identidade visual da RTM em comemoração aos 50 anos e os significados dos símbolos que compõem o logo aqui.