Famílias cristãs na Índia são forçadas a se reconverter ao hinduísmo

share on:

26/11/2018

Na semana passada um popular jornal da Índia trouxe a notícia que mais de 25 famílias, que haviam se convertido ao cristianismo, voltaram ao hinduísmo, sua antiga fé. Segundo a publicação, as famílias que anteriormente haviam sido “atraídas” ao cristianismo por meio de dinheiro e outros benefícios, como acesso gratuito a unidades de saúde, foram reconvertidas ao hinduísmo pelas pessoas de suas aldeias.

Quando souberam da notícia, colaboradores da Missão Portas Abertas, entraram em contato com pastores locais. Eles informaram, que na verdade, apenas quatro famílias cristãs se reconverteram ao hinduísmo, e não quase 30, como o jornal noticiou. Essas famílias foram pressionadas pela sociedade e familiares a deixar publicamente a fé cristã e realizar uma cerimônia de reconversão ao hinduísmo.

Uma das vítimas do processo de reconversão desabafou que seu coração ainda pertence a Jesus, e que participou da cerimônia porque estava sofrendo muita pressão. Ela relatou ainda que eles foram ameaçados de tortura e de serem expulsos da aldeia.

Embora o número de famílias reconvertidas ao hinduísmo pareça pequeno, a realização de cerimônias públicas de reconversão está ganhando força e contam com o apoio da mídia local. Esta atual forma de perseguição aos cristãos na Índia é realizada por extremistas, que invadem reuniões cristãs, prendem pastores e forçam cristãos ex-hinduístas a voltar à sua fé original.

Muitos pastores são acusados injustamente e presos por atrair pessoas ao cristianismo. Isso tem prejudicado as atividades das igrejas que normalmente acabam fechando.

A Missão Portas Abertas pede oração pelos cristãos na Índia que agora não têm igrejas para congregar e pelos muitos que estão abandonando a fé em Jesus Cristo por causa da pressão e violência.

Fonte: Portas Abertas

 

Produção e apresentação: Daniel Beltrão
Coordenação: Kaká Rodrigues
Supervisão: André Castilho
Realização: Rádio Trans Mundial