Cristã paquistanesa condenada à morte tem nova chance de defesa

share on:

09/10/2018

Presa desde 2009 Asia Bibi foi condenada à morte por blasfêmia pela justiça do Paquistão. Ela é mãe de cinco filhos e seu crime foi supostamente fazer comentários ofensivos ao profeta Maomé durante uma discussão com mulheres muçulmanas.

Neste momento a cristã Asia Bibi tem um fio de esperança. Foi confirmado que seu caso será ouvido novamente pela Suprema Corte. Em abril deste ano, o principal juiz da corte do Paquistão, Saqib Nisar, disse que ouviria o apelo da cristã.

Há muitas preocupações com segurança, a situação é tão inserta que houve muita relutância por parte da missão Portas Abertas, que acompanha e da suporte a Asia Bibi, para confirmar a informação de que o caso realmente seria ouvido.

A maioria das pessoas pensam que esse novo impulso para encerrar casos antigos pode levar a uma decisão em favor dela. Entretanto, muitos cristãos estão preocupados. Através da interação com pastores e igrejas em suas redes sociais a missão tem notado muito medo e preocupação. A Portas Abertas pede oração pela Asia Bibi, uma cristã paquistanesa condenada à morte por suposta blasfêmia, que será ouvida nesta semana para pela Corte Suprema de seu país. Entre os 50 países que mais perseguem ao cristianismo o Paquistão ocupa o 5º lugar. O islamismo é sua religião oficial e o país tem mais de 200 milhões de habitantes dos quais aproximadamente 4 milhões são cristãos.

Fonte: Portas Abertas

 

Produção e apresentação: Daniel Beltrão
Coordenação: Kaká Rodrigues
Supervisão: André Castilho
Realização: Rádio Trans